uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
“Assustei-me com o professor mascarado de palhaço e fartei-me de chorar”

“Assustei-me com o professor mascarado de palhaço e fartei-me de chorar”

Filipa Duarte, 24 anos, funcionária da Livraria Garrett, Cartaxo
Edição de 08.09.2010 | Suplemento Regresso às Aulas
“Fartei-me de chorar”, refere logo Filipa Duarte quando lhe perguntam pelo seu primeiro dia de aulas. A razão não era propriamente o separar-se da mãe, mas o facto de um professor se ter mascarado de palhaço. “Fartei-me de chorar por causa dele. Fiquei sentada sozinha numa carteira e ele veio sentar-se ao meu lado”. O terror só terminou quando a mãe foi pedir ao professor que se fosse embora e sentou-se com ela.Terminou há pouco o 12º ano e aguarda agora os resultados da candidatura à universidade, para o curso de Contabilidade e Fiscalidade. Com um percurso académico com alguns sobressaltos, afirma contudo que vale sempre a pena aprender. “Acho que o saber não ocupa lugar”. “Até ao 6º ano fui sempre boa aluna e estava regularmente no quadro de excelência. Com a morte da minha avó que me acompanhava nos estudos, a instabilidade fez com que o cenário se alterasse. Daí para a frente foi um desastre. E as más companhias também não ajudaram”, confessa.E tem outros arrependimentos na lista. “Se voltasse atrás e soubesse o que sei hoje, não teria seguido a área de Humanidades. A professora de Físico-Química do 9º ano embirrou comigo e deu-me a única negativa que tirei naquele ano. Isso fez com que eu acabasse por não seguir para ciências”. Dos inícios dos tempos de estudante tem na memória o professor João Maria de Oliveira. “Foi o melhor professor que podia ter tido”, sublinha. “Ainda era do método antigo e nós aprendemos o que tínhamos que aprender. Não se limitava ao plano curricular e procurava puxar por nós”. O docente deveria ter-se reformado quando Filipa Duarte estava no 2º ano, mas os encarregados de educação pediram-lhe para que permanecesse com a turma até que seguissem para o 2º ciclo e assim foi.Olhando os mais novos, nota que estes pouco se esforçam nas aulas. “Tentam ser adultos mais cedo e isso pode prejudicá-los”, alerta.
“Assustei-me com o professor mascarado de palhaço e fartei-me de chorar”

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...