uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Semana da Cultura Japonesa em Santarém

Evento realiza-se de 21 a 30 de Setembro com diversas actividades
Edição de 15.09.2010 | Cultura e Lazer
A Semana da Cultura Japonesa que se realiza em Santarém entre os dias 21 e 30 de Setembro pretende assinalar os 150 anos do Tratado de Paz, Amizade e Comércio entre Portugal e Japão e os dez anos de existência da Fundação Passos Canavarro (FPC). Esta iniciativa cultural é organizada pela fundação em conjunto com o Cine-Clube de Santarém e o Centro Cultural Regional de Santarém.O programa da Semana Cultural nipónica foi apresentado na manhã de segunda-feira no Fórum Mário Viegas, em Santarém. Para o presidente da FPC, Pedro Canavarro, esta iniciativa, que regressa à cidade dois anos depois da primeira edição, tem como principal objectivo “dar a conhecer mais a cultura nipónica em Portugal”, procurando também “abrir portas para que existam mais intercâmbios entre os dois países”. A organização vai aproveitar a ocasião para homenagear Genjiro Ito, um professor universitário japonês que é conselheiro da fundação desde a sua criação em 2000.A Semana do Japão em Santarém tem este ano um vasta programação de cinema, trazendo à mostra 16 filmes japoneses, cinco do realizador Nagisa Oshima, cinco de Takeshi Kitano. Além do cinema de autor japonês, a Semana Cultural nipónica dedica ainda especial atenção à produção da indústria de cinema de animação japonês, estando prevista a exibição de vários filmes com dobragem ao vivo por actores portugueses e a realização de workshops com alunos das escolas do concelho.Uma exposição de ilustrações de “manga”, da autoria de oito desenhadores portugueses que trabalham para a indústria de cinema de animação japonês, vai também integrar a programação. O Fórum Actor Mário Viegas vai acolher uma exposição da artista portuguesa Leonor Alvim intitulada “Panos Collage”, dedicada ao tema das “gueixas” japonesas. Haverá ainda uma exposição e vários workshops de artes florais japonesas, nomeadamente de “bonsai” e “ikebana”. A tradicional cerimónia do chá também faz parte do programa. Dois concertos de piano, um deles executado por quatro pianistas japonesas a tocarem em simultâneo, completam o programa que encerra a 30 de Setembro com uma palestra do embaixador do Japão em Portugal, no Teatro Sá da Bandeira. “Sabemos que é uma proposta ousada para os esquemas culturais de Santarém, mas acreditamos que o evento pode atrair outros públicos de todo o país”, referiu Pedro Canavarro.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...