uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Poucos conhecem o rei que elevou Sardoal a vila mas quase todos sabem quem vai cantar nas festas

No Sardoal já cheira a festa com as ruas a prepararem-se para mais uma edição das Festas do concelho. O feriado é a 22 de Setembro e, este ano, a cerimónia conta com a visita do Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva. A desertificação não preocupa os sardoalenses e, apesar de poucos saberem quem foi D. João III que elevou Sardoal a vila em 1531, quase todos sabem de cor quem são os artistas convidados a fazer a festa.

Edição de 15.09.2010 | Festas do Sardoal
Mauro Nogueira, 20 anos“Não noto o fenómeno da desertificação”Considera que o fenómeno da desertificação na vila ainda não atingiu níveis preocupantes. Mauro Nogueira, que é também o presidente da Associação de Jovens do Sardoal, diz que ainda não notou essa tendência. “Mesmo quem anda a estudar e trabalhar fora não deixa de vir com frequência à terra”, aponta. Conhece todos os artistas que vão actuar nas festas e não vai perder o concerto dos “One Vision - Tributo a Queen”. Não se lembra do nome do Rei que elevou Sardoal a vila mas tem a data na ponta da língua: em 1531. Elisabete Lopes, 37 anos“Prefiro divertir-me na parte das tasquinhas”“Vou vendo jovens mas poucos como vi quando vim para o Sardoal há 19 anos”, aponta Elisabete Lopes que considera que tal como acontece em muitas terras do interior, o fenómeno da desertificação está a atingir a terra. Funcionária dos serviços de higiene e limpeza da autarquia, refere que o trabalho impede-a de assistir a todos os concertos, especialmente os que se realizam num horário mais tardio. “Gostava de assistir ao tributo aos The Queen”, aponta embora prefira divertir-se nas tasquinhas. Não sabe quem foi o Rei que elevou o Sardoal a vila.Bárbara Sá, 19 anos“Os jovens voltam ao Sardoal por causa da família”Bárbara Sá é jovem e conhece muitos jovens que passam bastante parte do seu tempo no Sardoal. “Vamos para fora para estudar ou à procura de emprego e só voltamos por causa da família”, sublinha, acrescentando que é na altura das festas que se dá uma maior concentração de juventude. Já teve acesso ao cartaz e aponta o nome de Susana Félix como uma das principais atracções musicais. Faz um pequeno esforço de memória mas o nome do Rei D. João III não lhe sai debaixo da língua. Hugo Brunheta, 23 anos“Muitos jovens partem para o estrangeiro à procura de oportunidades”Morador em Valhascos, Hugo Brunheta costuma dar um salto às festas do Sardoal, até porque participa na parte destinada a stands de artesanato, onde se coloca em exposição algumas peças de serralharia e alumínio, da Serralharia do pai, José Brunheta. Quanto aos artistas convidados para actuar nas festas deste ano, diz que ainda não viu o cartaz e por isso não sabe quem são, até porque vai estar a trabalhar no seu negócio. Também não sabe que foi o Rei D. João III que elevou Sardoal a vila em 1531. É da opinião que, aos poucos, os jovens do concelho são obrigados a partir para outras paragens em busca de oportunidades de emprego. “Ainda há muitos jovens mas já se nota um pouco de desertificação, com muitos a deslocarem-se para o estrangeiro”, exemplifica.Manuel Vítor, 83 anos“Anabela e Carlos Guilherme são artistas que aprecio”Gosta de participar nas festas do concelho e sabe de cor que, este ano, vão actuar a cantora Anabela e Carlos Guilherme, artistas que aprecia muito. Manuel Vítor diz que ainda há muitos jovens na vila e que se divertem, por exemplo, no campo da bola. “É uma terra pequena mas mesmo assim vê-se rapaziada nova”, atesta. Em relação ao Rei que elevou Sardoal a vila a resposta sai na hora: D. João III. Maria Adelaide Monteiro, 75 anos“A vila rejuvenesce durante as festas”Se durante a semana vai vendo jovens na rua, Maria Adelaide Monteiro ainda sente que a vila fica mais rejuvenescida durante a época das festas. “Vêm muitos de fora. Não há motivo para preocupação. Há muita juventude por aí”, ressalva. Quanto aos artistas que vão actuar, já teve acesso ao programa mas não fixou o nome de quem vai actuar. Natural da zona norte do país, desconhece igualmente que foi o Rei D. João III que elevou Sardoal a vila há 437 anos.Valter Marques, 24 anos“Quem quer arranjar um emprego estável tem que procurar fora”Valter Marques é de Mação mas passa muito tempo no Sardoal, terra onde tem bastantes amigos. Considera que muitos deles são levados a procurar emprego e acabam por se fixar fora do interior. “Quem quer um emprego estável, ou tem conhecimentos na câmara ou tem que procurar fora de cá. Ainda não é preocupante mas a médio prazo pode vir a tornar-se um problema”, refere. Em relação aos artistas convidados para actuar nas festas, diz que não vai perder o concerto dos “One Vision - Tributo a Queen”. Em relação ao Rei que elevou Sardoal a vila, hesitou e contou com a ajuda de um amigo que assistia à conversa e que disparou, na sua vez: “D. João III”.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...