uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Ministra do Ambiente em Ourém na entrega dos galardões Eco-Escola

Ministra do Ambiente em Ourém na entrega dos galardões Eco-Escola

Edição de 29.09.2010 | Primeiro Plano
“Acolher um evento destes dignifica toda uma região” afirmou a ministra do Ambiente, Dulce Pássaro, sexta-feira, 24 de Setembro, na entrega dos galardões Eco-Escola em Ourém. Das 1041 “bandeiras verdes” entregues, quatro ficaram nesse concelho, contemplando o Centro de Estudos de Fátima (CEF), Colégio do Sagrado Coração de Maria, Colégio de São Miguel e Escola Profissional de Ourém (EPO). Dulce Pássaro lembrou ainda o caminho percorrido por Portugal nas questões ambientais e sublinhou que “a sensibilização começa na escola”. Na sua intervenção, o presidente do município, Paulo Fonseca (PS), referiu que apesar de Ourém ser um concelho com grande potencialidade, não tem tido “a visibilidade que merece” devido ao grande peso da freguesia de Fátima. “Somos da terra de D. Nuno Álvares Pereira e das Pegadas dos Dinossaurios”, referiu. “Queremos elevar o nome do concelho a nível nacional”, apontou de seguida. E a passagem dos galardões do Eco-Escola por Ourém permitiu trazer à cidade cinco mil jovens de todo o país. O evento contou ainda com o presidente da Associação Bandeira Azul da Europa, José Archer. O responsável comentou a evolução do projecto Eco-Escolas ao longo dos últimos 15 anos e destacou um “percurso assinalável com uma fórmula de sucesso em termos de organização”. Se no início este englobava apenas 58 concelhos e atribuía 30 galardões, hoje envolve 225 concelhos, 1337 escolas e 1041 galardões. O Galardão Bandeiras Verdes distingue escolas ambientalmente empenhadas. A cerimónia decorreu no espaço do Circo Chen, estacionado no Parque Linear, em Ourém.
Ministra do Ambiente em Ourém na entrega dos galardões Eco-Escola

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...