uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Rejubilante Serafim das Neves

Edição de 15.12.2010 | E-mails do outro mundo
Esta semana meteram-me a prosa ao lado de versos do Fernando Pessoa. Estão aí mesmo à direita. Logo por cima da menina do guarda-chuva, Deus a guarde. É uma promoção imerecida, eu sei. Mas a cavalo dado não se olha o dente. Não abdicarei desta possibilidade que me é dada de proclamar aos quatro ventos que em termos de letras já ombreei com essa sumidade poética.Por falar em meninas. Aquelas que atendem camionistas à beira da estrada andam muito satisfeitas com o Papa por causa dele ter declarado que aceitava o uso do preservativo. Não para ele, claro, mas para os católicos sexualmente activos. Compreende-se a alegria das moças. A partir de agora os clientes já não podem recusar o uso da camisinha com a desculpa de serem católicos e o Papa não autorizar.Não fiquei surpreendido com a mudança de nome da cidade brasileira de Santarém para Joca Claudino. Vou mais longe. Eu acho que a nossa cidade de Santarém também devia mudar de nome. Para Joca Flores, por exemplo. Para cidade da Liberdade. Para Moita Festas. Ou então Taurópolis. O que achas??Ouvi dizer que os médicos que dão consultas no centro de saúde de Benavente adormecem a meio dos diagnósticos. Será que as doenças de que padecem as pessoas dali são assim tão enfadonhas? Será que todos os doentes falam com aquela voz pausada e soporífera do presidente da Câmara. Eu a última vez que ouvi o António José Ganhão a discursar adormeci ao fim de dois minutos. Foi tiro e queda. Lembro-me sempre dele quando oiço os políticos aos berros nos debates. Também te digo, Serafim. Eu se fosse doente daqueles médicos não os acordava. Sabe-se lá do que é capaz um médico se for acordado bruscamente? Nestas coisas é melhor não arriscar. Se eles dormem é porque precisam de dormir, coitados. E quem sabe mais de doenças do sono do que um médico…mesmo que esteja a dormir?O ex-presidente da câmara de Constância e actual presidente da Assembleia Municipal daquele concelho, António Mendes (CDU), decidiu apoiar a recandidatura do Cavaco Silva à Presidência da República. Foi um rude golpe para a classe operária, nomeadamente para o camarada Chico Lopes, mas era inevitável que acontecesse qualquer coisa assim. O que há-de fazer um eleitor perante a oferta política que se lhe apresenta. Se de um lado chove, do outro faz trovoada. Eu nas últimas eleições atirei moeda ao ar para ver em quem devia votar. Se calhar vou continuar a fazer o mesmo. Assim como assim vamos sempre dar à mesma praia e eu já não tenho idade para ler as linhas programáticas de partidos e candidatos. Não tenho eu nem têm os que andam lá metidos. Os livrinhos são só para não deixar as gráficas dos amigos irem à falência. E quem chega ao governo quer lá saber do programa para alguma coisa. Por causa da política de contenção vou ficar por aqui. Hoje não escrevo nem mais um disparate para não gastar paciência ao contribuinte.Um abraço à PEC 3Manuel Serra d’Aire

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...