uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Desporto, espectáculo e marcha de rua em Santarém para apoiar três associações

Desporto, espectáculo e marcha de rua em Santarém para apoiar três associações

Projecto “O Desporto é Solidário” pretende angariar fundos para três instituições de solidariedade social de Santarém
Edição de 21.12.2010 | Sociedade
O apresentador de televisão Júlio Isidro, os actores Joaquim Nicolau e Paulo Patrício, a fadista Joana Amendoeira, o ex-jogador do Vitória de Setúbal, natural de Santarém, Rui Carlos, os ex-ciclistas Marco Chagas e Gonçalo Amorim e os locutores de rádio Nuno Matos e Paulino Coelho são algumas das figuras públicas que vão marcar presença no projecto “O Desporto é Solidário”. Uma iniciativa que pretende ajudar três instituições particulares de solidariedade social do concelho de Santarém: A Farpa – Associação de Familiares e Amigos do Doente Psicótico; o Vigilante – Associação de Socorros Médicos; APPACDM – Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental.Organizado pela empresa municipal de desporto de Santarém – Scalabiport, o projecto prevê a realização de uma marcha solidária, de uma gala desportiva e de uma gala com música e teatro. Todos os detalhes do projecto foram apresentados em conferência de imprensa.A marcha a realizar dia 6 de Janeiro, dia de Reis, começa às 21h00 a partir do Jardim da Liberdade. O percurso encaminha-a até ao jardim das Portas do Sol, largo do Seminário, Miradouro de S. Bento e de regresso ao jardim da Liberdade. Para todos os participantes haverá capa impermeável e água, e recolha de donativos em favor das três instituições. Nesse dia haverá também sessão de autógrafos, gincanas, ranchos folclóricos e animação.A 7 de Janeiro, o pavilhão municipal recebe os protagonistas do desporto, também às 21h00. Estão previstas demonstrações de clubes e respectivas modalidades, sessão de autógrafos, sorteios e leilões. A música e o teatro sobem ao palco do Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas. Júlio Isidro será o apresentador da gala, que conta com participações da fadista Joana Amendoeira, do músico David Antunes, do actor Paulo Patrício e do grupo de teatro da APPACDM.O presidente da Scalabisport, Luís Arrais, explica que na escolha das três entidades a apoiar se procurou abranger diferentes públicos-alvo. “Temos uma associação que apoia doentes psicóticos, outra os jovens em dificuldades e uma terceira as pessoas portadoras de deficiência mental. Pretendemos que este venha a ser um evento anual e para o ano teremos mais três instituições diferentes”, realçou Luís Arrais.Vitória de Setúbal e União de Leiria são clubes que já se disponibilizaram a trazer jogadores e a oferecer t-shirts. Luís Arrais diz que prosseguem contactos com mais clubes e entidades. Dos grandes clubes espera-se ainda receber algum craque que abrilhante a iniciativa. Júlio Isidro faz ainda um repto às televisões nacionais. “Esperamos que todas, mas especialmente a RTP, de serviço público, façam a cobertura deste evento”, afirmou.Os donativos podem ser efectuados por qualquer cidadão ou empresa através de três caixas solidárias que vão estar disponíveis nos três dias ou através de transferência para o NIB 0007 0000 00003518288 23, juntando-se às receitas angariadas com os espectáculos.Apoios que vêm a calhar e são sempre uma ajudaPresentes na conferência de imprensa, os responsáveis das entidades a apoiar confessaram a sua surpresa e satisfação. Por parte da APPACDM, Luís Amaral considera muito interessante a iniciativa para uma casa com mais de 30 anos e quatro pólos divididos por Santarém e Vale de Santarém. “Estamos gratos à Scalabisport por esta iniciativa, a solidariedade não se apregoa, pratica-se”, comentou. A O MIRANTE, o dirigente reconheceu que a maior dificuldade do momento passa pelo pagamento das mensalidades pelas famílias dos utentes, a par dos constrangimentos por parte das entidades financeiras e públicas.Já sem o representante de O Vigilante na sala, a presidente da direcção de A Farpa, que apoia o doente psicótico, reconheceu que o apoio vem na melhor altura. “Ficámos emocionados com esta iniciativa, é bom sermos lembrados numa fase de arranque, sempre com dificuldades”, referiu Fernanda Romeiras.A associação de apoio ao doente psicótico dá apoio, durante o dia, a dez utentes de ambos os sexos, com idades entre os 20 e mais de 40 anos. “Estamos instalados numa casa antiga da Quinta do Monte Abade. Vamos aplicar a verba que nos for atribuída na melhoria das instalações”, revelou Fernanda Romeiras.
Desporto, espectáculo e marcha de rua em Santarém para apoiar três associações

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...