uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Jornalismo de proximidade a alta velocidade

Depoimento

Ricardo Carreira*

Edição de 14.12.2011 | Opinião
A ideia de que o jornal regional se constrói pachorrentamente quando há uma semana inteira para o trabalhar desvanece-se no dia-a-dia de O MIRANTE, em favor do jornalismo de proximidade. A meia hora que vão acrescentar aos horários dos trabalhadores do privado, podem subtraí-la ao nosso que ainda ficamos com muitas a mais. Jornalismo de proximidade é fazer reportagem num talho, ir a seguir ver um girassol do tamanho de uma girafa ou a um evento público onde alguns políticos locais mais vaidosos se passeiam em frente da objectiva da máquina a ver se aparecem no boneco. É estar na conferência de imprensa ou seminário num dia e a fazer uma contagem de porcos trucidados no despiste de um camião guardando entranhado na roupa um cheiro que não desaparece durante dias.Jornalismo de proximidade é fazer competição aos carros do INEM, dos bombeiros, da GNR ou da PSP, quando há acidentes, assaltos ou incêndios. É não esquecer os gritos lancinantes de dor daquele condutor encarcerado enquanto espera por auxílio. Vemos mais carros espatifados, capotados, carbonizados que os sucateiros da região. Já estive frente a frente com um carro em contramão, conduzido por um senhor de cabelo branco, que descortinei 50 metros à minha frente antes de guinar para a direita e travar a fundo (à Schumacher), a caminho da ponte Salgueiro Maia.Jornalismo de proximidade é ter eleitos de uma força política a dizer que servimos o poder e o poder a atacar-nos acusando-nos de fazermos favores à oposição. Em O MIRANTE somos jornalistas. Fazemos textos, tiramos fotografias, alimentamos o site diário com notícias e vídeos, alimentamos a edição semanal em papel. Se os dias passam a correr, as semanas estão ao nível de um Usain Bolt, sempre de olhos na quarta de manhã. É o chamado jornalismo de proximidade a alta velocidade.* Jornalista

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...