uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Funcionários municipais vão ter ginásio e munícipes estacionamento

Lojas no Vila Franca Centro vão ser concentradas
Edição de 14.12.2011 | Sociedade
As lojas do Vila Franca Centro, para onde se vão mudar os serviços da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, já estão a ser reservadas para a obra de adaptação do edifício. A intervenção vai concentrar o que resta das lojas bem como dos restaurantes que actualmente estão num dos pisos superiores.As obras já deviam ter arrancado mas o vice-presidente da autarquia, Alberto Mesquita, estima que ainda assim os serviços possam passar para o espaço em 2013, tal como estava previsto. “Estamos na expectativa de que as obras comecem para que se concluam o mais depressa possível. Queremos deixar esse trabalho feito ainda este mandato para proporcionar melhores condições de trabalho a todos quantos trabalham na câmara municipal”, esclarece. As novas instalações incluem um refeitório para os funcionários e um ginásio. “A ideia é que as pessoas possam usá-lo depois do horário de trabalho contribuindo para que a vida não seja tão sedentária”, explica Alberto Mesquita. No lugar do antigo cinema vai nascer um auditório com 300 lugares. Os colaboradores da autarquia deixam de ter necessidade de deslocar-se para acções de formação que passam a decorrer no próprio edifício. O novo edifício passará ainda a ter estacionamento reservado para os munícipes que se desloquem ao espaço para tratar dos mais variados assuntos. Está prevista a existência de salas no piso térreo, junto ao atendimento, onde os técnicos da câmara descem para reunir com os munícipes. No último piso ficará a presidência e o departamento de administração geral. A câmara vai ocupar todos os pisos do centro. A zona comercial coincidirá com o lado da Rua Alves Redol enquanto que os serviços da câmara confrontam com a Serpa Pinto. No espaço onde funciona hoje a estação de camionagem vai funcionar o atendimento único ao público num só balcão à semelhança de uma loja do cidadão. Zona comercial e serviços da câmara terão entradas independentes. “Qualquer cidadão do concelho apanha o comboio, sai na estação de Vila Franca e trata ali em frente de todas as suas coisas sem necessidade de andar às voltas na cidade”, ilustra Alberto Mesquita.Os serviços da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira estão actualmente espalhados por 17 edifícios. Os Serviços Municipalizados de Água e Saneamento também vão mudar-se para o centro comercial. Durante os primeiros seis anos o município vai pagar perto de 700 mil euros/ano de renda, com os valores a subir nos anos seguintes para o milhão de euros. Ao fim de 18 anos a autarquia poderá adquirir o espaço. A adaptação do espaço ficará a cargo da Obriverca.No total vão ser relocalizados 700 funcionários, que vão ocupar 78 fracções do centro comercial. A transferência dos serviços da autarquia para o centro comercial vai permitir poupar dinheiro aos cofres da câmara e revitalizar uma zona comercial que já viveu melhores dias.O actual edifício dos Paços do Concelho será a sede da Assembleia Municipal. Algumas das instalações onde funcionam os serviços da Câmara Municipal estão em avançado estado de degradação e a precisar de intervenção urgente, como o arquivo do departamento de planeamento, gestão e qualificação urbana e as instalações onde funcionam os serviços sociais de saúde, ambos em Vila Franca de Xira.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...