uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Animação nocturna no Jardim da Liberdade irrita vizinhança

Tenda gigante funciona no centro de Santarém como bar-discoteca aos fins de semana até às quatro da madrugada
Edição de 21.12.2011 | Sociedade
O ruído causado pelas festas nocturnas que têm decorrido na tenda gigante instalada no Jardim da Liberdade, no centro de Santarém, não tem deixado dormir descansados alguns moradores da vizinhança ao fim de semana. “É tudo muito bonito, só que todos se esqueceram das pessoas que moram nas redondezas e que têm de dormir porque trabalham no dia seguinte e não aguentam o barulho uma noite inteira”, desabafa Raul, um leitor de O MIRANTE que enviou um comentário via e-mail para o nosso jornal no dia 13 de Dezembro.Dois dias antes, outro leitor, que assinou João Correia, enviava pela mesma via uma carta também enviada para a Câmara de Santarém onde se queixava do ruído nocturno nas madrugadas de 10 e 11 de Dezembro. “O que se passou não mais se deveria praticar, tendo a cidade um campo óptimo para o fazer, o CNEMA, uma vez que o cidadão desta cidade tem o direito ao descanso”, alegava, acrescentando que se verifica “uma falta de respeito total pelo cidadão que mora na envolvência do Jardim da Liberdade”.Igualmente à Câmara de Santarém e a múltiplas outras entidades chegou uma carta de protesto via correio electrónico subscrita por Mário Agostinho, que escrevia, às 04h30 do último domingo, que estava a “fazer tempo” para ver se a “barulheira” acabava para se poder deitar e descansar. E pedia ajuda a diversas entidades, como grupos parlamentares e até a Presidência da República, “em nome da muita população de Santarém”.À PSP de Santarém, que dista da tenda cerca de 200 metros, não chegou nos últimos dias qualquer denúncia, segundo afirmou fonte das relações públicas da polícia. Houve apenas algumas queixas nas primeiras noites de animação. A vereadora com o pelouro do Ambiente, Luísa Féria (PSD), disse ao nosso jornal que também não tinha conhecimento de queixas sobre o assunto e referiu que a licença de ruído foi emitida pela autarquia mediante parecer técnico.A tenda multiusos, que durante as madrugadas de fim de semana funciona como bar-discoteca até às 04h00, foi instalada pelo grupo de eventos El Galego e tem acolhido diversas actividades, algumas delas de cariz solidário. Até sexta-feira, 23, acolhe a Montra de Natal, uma exposição/venda de vinhos do Tejo (10 por cento do valor de cada garrafa vendida reverte para a empilhadora do Banco Alimentar) e uma mostra de artesanato do concelho.Depois do Natal e até à passagem de ano o espaço será destinado a actividades desportivas, acolhendo, dia 5 de Janeiro, a iniciativa da empresa municipal Scalabisport “O Desporto é Solidário”, que se destina à angariação de fundos para as IPSS do concelho.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...