uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Pais almoçaram com filhos no refeitório da escola em Azambuja

Pais almoçaram com filhos no refeitório da escola em Azambuja

Ideia partiu da câmara municipal que quer repetir a iniciativa uma vez por mês

Se os filhos pudessem escolher comeriam bifes com batatas fritas todos os dias mas os pais insistem em intercalar o peixe e a carne às refeições sem esquecer a sopa e a fruta. Na quarta-feira alguns encarregados de educação almoçaram no refeitório da escola. A ideia da iniciativa, lançada pela Câmara Municipal de Azambuja, é esclarecer dúvidas sobre qualidade dos alimentos, higiene e acompanhamento às refeições.

Edição de 21.12.2011 | Sociedade
Os pais de alguns dos alunos do Centro Escolar Boavida Canada, em Azambuja, almoçaram com os filhos no refeitório da escola na quarta-feira, 14 de Dezembro. A ideia foi lançada pela Câmara Municipal de Azambuja com o objectivo de aproximar os encarregados de educação da escola e esclarecer dúvidas sobre qualidade dos alimentos, higiene e acompanhamento no refeitório. Os pais fizeram a inscrição prévia e pagaram 3,80 euros. A ementa incluía canja, massada de peixe e iogurte para a sobremesa. Pais e filhos não se queixaram do cardápio e mostraram-se confortáveis mesmo usando as pequenas cadeiras coloridas à medida dos alunos.“Acho que é importante respondermos às iniciativas da escola e mostrar que nos preocupamos com o que eles comem na escola”, revela Ana Pereira, 41 anos, psicóloga e mãe de Carolina de seis anos, aluna do primeiro ano. Ana Pereira, que normalmente almoça em casa, é mãe de três filhos e tem preocupação com o que comem os seus. Lá em casa é preparado um doce ao fim de semana, altura em que se abre uma excepção para comer uma guloseima. Maria João Sequeira, 38 anos, osteopata, fez a surpresa ao filho Tomás de seis anos e apareceu na fila do refeitório. Normalmente faz a sua refeição na clínica onde trabalha, em Azambuja. Em casa dá prioridade ao peixe e carne frescos. Faz questão de servir à família comida caseira a pensar no bem estar de todos. Se os filhos pudessem escolher comeriam todos os dias bife com batatas fritas mas os pais insistem na necessidade da sopa e da fruta intercalando o peixe e a carne às refeições. Também é assim na família de Carla Ferreira, 36 anos, mãe de David, de oito anos, que almoçou frente ao pai. O filho do casal comeu o peixe de bom grado mas confessou que o seu prato preferido inclui batatas fritas. “Os meus filhos comem sopa a todas as refeições desde bebés”, assegura orgulhosa a mãe. O “Dia do Refeitório Aberto” estendeu-se também às escolas de Vila Nova da Rainha, Vale do Paraíso, Aveiras de Cima, Vale do Brejo e Centro Escolar de Alcoentre onde muitos encarregados de educação também partilharam a refeição.A vereadora da educação da Câmara Municipal de Azambuja, Ana Maria Ferreira, garante que a ideia é repetir a iniciativa uma vez por mês nos próximos períodos lectivos. “As coisas não são preparadas especialmente para a vinda dos pais. A ementa segue o curso normal. É uma forma de possibilitar também que os pais possam estar com os seus filhos no momento particular que é a refeição já que isso normalmente não é costume”, explica. As ementas são apresentadas e confeccionadas pela empresa Uniself, que serve também para outras escolas do concelho e que ganhou o concurso lançado pela câmara. O cardápio é monitorizado pela engenheira de qualidade alimentar. Pontualmente já tem sido alterado um ou outro prato de peixe por não resultar muito bem. No mesmo dia decorreu uma palestra sobre alimentação saudável na Escola Básica do Primeiro Ciclo (EB1) de Aveiras de Cima destinada a pais, educadores, professores e a todos os que se preocupam com as boas práticas alimentares e que contou com a participação de uma nutricionista.
Pais almoçaram com filhos no refeitório da escola em Azambuja

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...