uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Manifestações de pesar pela morte de Amândio Marques Murta

Edição de 28.12.2011 | Sociedade
O Partido Social-Democrata (PSD) de Tomar manifestou, através de comunicado, o seu voto de pesar pela morte de Amândio Murta, antigo presidente da Câmara de Tomar eleito pela Aliança Democrática, durante dois mandatos (de 1980 a 1986). Médico oftalmologista de profissão, Amândio Marques Murta, faleceu aos 90 anos, na noite de 20 de Dezembro, no Hospital Nossa Sra. da Graça, em Tomar. O funeral realizou-se dois dias depois, na sua terra natal, Lemede, no concelho de Cantanhede. Para a concelhia do PSD, ao ex-autarca se ficam a dever “imensas realizações que marcaram para Tomar uma nova era, dando abertura a um trabalho de modernidade, desenvolvimento e progresso”. O mesmo comunicado salienta que Amândio Murta “será sempre recordado como um homem de espírito fino e arguto, como um autarca exemplar, como um democrata, como um político inteligente, integro e respeitado”.Amândio Murta nasceu a 10 de Março de 1921 e foi médico durante mais de 50 anos, delegado de saúde de 1.ª classe e presidente da Região de Turismo dos Templários Floresta Central e Albufeiras. Também a entidade regional de turismo manifestou o seu voto de pesar.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...