uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Revisor da linha da Azambuja agredido por homem que viajava sem pagar

Edição de 21.03.2012 | Sociedade
Um revisor da empresa Comboios de Portugal (CP) foi agredido por um homem que viajava sem pagar quando este o confrontou com a falta de bilhete já no final da linha da Azambuja, em Lisboa, pelas 17h25 de quarta-feira. O agressor, de 20 anos, foi detido pela Polícia de Segurança Pública por ameaças e ofensas à integridade física com arma branca. O agressor, depois de presente a tribunal onde foi ouvido em primeiro interrogatório, ficou com a medida de coacção de apresentações semanais na esquadra da PSP. O agressor começou a discutir com o revisor no final da linha, alegadamente por viajar sem bilhete. O revisor tentou chamar a atenção do jovem para a ilegalidade mas este exaltou-se, agrediu o revisor e puxou de uma navalha, ameaçando esfaqueá-lo em plena estação. A cena foi presenciada por outro revisor, de outra linha, que chamou os agentes da PSP que estavam próximo do local. Ao ver a polícia o jovem deitou a navalha para o chão e fugiu, mas acabou por ser apanhado. O detido já tinha antecedentes criminais por roubo por esticão. Apesar dos ferimentos resultantes das agressões nenhuma das vítimas necessitou de tratamento hospitalar. Tal como O MIRANTE noticiara em Setembro, por dia, na linha da Azambuja, são apanhadas entre cinco a seis pessoas a viajar sem pagar. A falta de cancelas nas estações é um dos factores que propicia a situação.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...