uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Refer faz obras na ponte pedonal para tentar acabar com insegurança e imundície

Refer faz obras na ponte pedonal para tentar acabar com insegurança e imundície

Apesar de algumas falhas foram melhoradas condições na estação do Entroncamento

Segunda fase das intervenções para melhoria da segurança incluiu obras na ponte sobre as linhas de caminho de ferro de onde agora se pode aceder directamente à plataforma central de embarque.

Edição de 09.05.2012 | Sociedade
O acesso nascente à ponte de peões sobre as linhas de caminho de ferro no Entroncamento, que durante décadas serviu de casa de banho ao ar livre e de improvisado vestiário de militares, pode deixar de ter tais utilidades. Mais iluminação e o desaparecimento dos muros altos que escondiam os autores de actos de vandalismo e banditismo irão contribuir para tal.As obras já concluídas fazem parte de um série de intervenções destinadas a melhorar a segurança na estação de caminho de ferro da cidade. Nas escadas da ponte do lado do mercado municipal que dão para a rua Latino Coelho, a insegurança não tinha a ver com a passagem de comboios mas com actividades que ali eram desenvolvidas. Para qualquer cidadão era constrangedor confrontar-se com militares que regressavam de fim-de-semana a trocar as roupas civis pelas fardas; pessoas a urinar ou defecar; assaltantes ou pintores de grafitos. Foi também construída a meio da ponte uma escada que dá acesso directo à plataforma central de embarque da estação, que serve as linhas V, VI, VII e IX, o que acabará com um conflito que se arrasta há anos entre a Refer e os passageiros que acedem à estação a partir da parte norte da cidade através da ponte pedonal. A empresa tentou por diversas vezes impedir a utilização de uma escada existente a alguns metros da agora feita, uma vez que a mesma dava acesso a uma zona situada entre a rotunda das locomotivas, pertencente ao Museu Nacional Ferroviário e linhas por onde transitavam normalmente comboios de mercadorias.Antes das obras naquela passagem aérea sobre as linhas, nos últimos quatro meses de 2011, foram concluídos vários trabalhos na estação destinados a melhorar as condições de segurança, nomeadamente, “eliminação de diversos atravessamentos de nível, que foram concentrados num único local; dotação desses atravessamentos de pavimento de borracha anti - derrapante; sinalização sonora e luminosa das linhas onde se praticam as velocidades mais elevadas; vedação do espaço, em frente às bilheteiras e do parque de estacionamento, de modo a evitar o ‘trespassing’.” O facto de a sinalização sonora e luminosa não abranger todas as linhas mas apenas aquelas onde normalmente transitam comboios que praticam maiores velocidades tem sido criticada, nomeadamente pelos eleitos da CDU na Assembleia municipal.Segundo a Refer, uma passagem superior a partir da zona das bilheteiras que irá servir as linhas II, III, IV e V irá ser posta a concurso público e deverá estar concluída até ao final do ano.
Refer faz obras na ponte pedonal para tentar acabar com insegurança e imundície

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...