uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Perto de 950 pessoas vão perder o rendimento social de inserção na região

Número de beneficiários aumentou em relação ao ano passado
Edição de 16.05.2012 | Sociedade
As novas regras que o Governo definiu para o Rendimento Social de Inserção (RSI) vão eliminar no distrito de Santarém cerca de 950 dos actuais 7580 beneficiários. Esta é a estimativa do director do Centro Distrital da Segurança Social de Santarém, Tiago Leite, que quer ajudar quem realmente precisa. Em Fevereiro deste ano, mais 53 pessoas do distrito auferiam do apoio em relação ao ano passado.O número de beneficiários do distrito de Santarém não tem sofrido muitas alterações ao longo dos últimos meses. Mas Tiago Leite prevê que dentro de seis meses, entre 10 a 15 por cento dos beneficiários percam este apoio, com as novas regras já aprovadas em Conselho de Ministros. “As novas regras vão trazer mais justiça social e eliminar muita gente que o ganha sem realmente precisar. Temos pessoas a trabalhar o dia todo e a ganhar pouco e depois o vizinho ainda ganha mais com o RSI”, reforça Tiago Leite. Entre as novas regras destaca-se a limitação a 12 meses e a integração dos beneficiários em bolsas de trabalhadores ao dispor de câmaras, juntas de freguesia e instituições de solidariedade social. Se recusarem ofertas de trabalho perdem direito à prestação, tal como se possuírem um carro, tenham contas bancárias familiares iguais ou superiores a 25 mil euros ou estejam presos, mesmo que preventivamente. Existiam 7527 beneficiários do RSI em Dezembro de 2011 no distrito de Santarém, segundo os dados que constam no Boletim Estatístico de Janeiro de 2012, divulgado pela Segurança Social. No último semestre de 2011 o valor médio da prestação do RSI por beneficiário era de 88,8 euros. Em Fevereiro deste ano, o número de pessoas que passaram a auferir o RSI passou para 7580 e o valor médio também subiu para 90,5 euros. O aumento é sentido também ao nível das famílias. Se em Setembro de 2011 existiam 2664 agregados a receberem o RSI no distrito de Santarém, em Fevereiro de 2012 esse número aumenta para 2809, com um valor médio de 247 euros. No total, perto de 323 mil portugueses receberam o RSI em Fevereiro deste ano, o que representa um aumento de quase cinco mil beneficiários em relação a Janeiro.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...