uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Presidente do Pingo Doce passou o 1º de Maio em Ourém com ministro

Presidente do Pingo Doce passou o 1º de Maio em Ourém com ministro

Alexandre Soares dos Santos foi homenageado pelos bombeiros voluntários e participou em conferência promovida pela ACISO.

Edição de 16.05.2012 | Sociedade
O presidente do Grupo Jerónimo Martins, Alexandre Soares dos Santos, passou o 1º de Maio em Ourém, onde tem casa própria, e participou com o ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, nas comemorações do centésimo aniversário dos Bombeiros Voluntários da cidade. Alexandre Soares dos Santos foi homenageado pelos bombeiros, pelo seu papel de benemérito para com a corporação.Enquanto decorria a cerimónia no Dia do Trabalhador, nas lojas da cadeia Pingo Doce estava instalada a confusão por causa dos descontos de 50 por cento em compras. Soares dos Santos confessou em entrevista à SIC Notícias, na semana passada, que nem se apercebeu nesse dia das enchentes que causaram alguma balbúrdia por todo o país e que chegaram a obrigar à intervenção da polícia. Soares dos Santos afirmou que a acção de promoção já estava pensada há cerca de um ano. O presidente da Jerónimo Martins garantiu que o Pingo Doce não vai repetir este tipo de campanha de promoção geral uma vez que, diz, é muito cara. Garante, no entanto, que vão continuar com uma política agressiva porque não querem perder vendas.Alexandre Soares dos Santos vive na Quinta da Parreira, construída no século XVIII, na Beltroa, perto do castelo, em Ourém há cerca de 40 anos. É fã da ginjinha do Castelo de Ourém e gosta de passear nessa zona da cidade. A proximidade com as instituições locais levou a que fosse convidado pela ACISO - Associação Empresarial de Ourém - a participar num jantar/conferência realizado a 4 de Maio, num restaurante em Ourém. Intitulado “O momento actual da economia portuguesa e perspectivas de desenvolvimento”, o debate contou com a presença de cerca de seis dezenas de associados. O presidente do Grupo Jerónimo Martins defende que o concelho de Ourém tem que saber “vender-se” e que está numa situação privilegiada para o fazer tendo em conta o seu património local incluindo Fátima, que pode considerar-se uma marca internacional.Alexandre Soares dos Santos diz ainda que, numa empresa, todos devem trabalhar em conjunto. “Não podemos estar à espera que alguém faça as coisas por nós. Temos que ter a consciência social das nossas obrigações e das pessoas que trabalham connosco”, referiu.Questionado sobre o futuro da economia nacional o empresário diz, em tom de brincadeira, que já não tem idade para ser optimista mas revela a sua fórmula de sucesso. “Muito trabalho e uma equipa, uma vez que ninguém consegue ter êxito sozinho. Há que estabelecer uma visão e depois traçar um plano para a realizar”, reflectiu. O MIRANTE soube das declarações de Alexandre Soares dos Santos através de um associado da ACISO que esteve presente uma vez que o administrador do Pingo Doce não quis que os órgãos de comunicação social estivessem presentes na conferência.
Presidente do Pingo Doce passou o 1º de Maio em Ourém com ministro

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...