uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Detidos cinco suspeitos de roubarem camião carregado de electrodomésticos

Operação decorreu na área de serviço de Santarém da auto-estrada A1
Edição de 02.01.2013 | Sociedade
A Polícia Judiciária (PJ) anunciou a detenção de cinco homens suspeitos de roubarem um camião proveniente do estrangeiro e carregado com electrodomésticos de valor superior a 100 mil euros, na área de serviço de Santarém.Segundo a PJ, enquanto alguns dos detidos manietaram e mantiveram sequestrado o motorista no veículo ligeiro em que se deslocavam e que acabaria por se despistar, os restantes elementos do grupo apoderaram-se do camião TIR - que seguia no sentido norte-sul da autoestrada A1 - e conduziram-no até um armazém na zona de Alenquer, onde esconderam a mercadoria.Após o acidente da viatura ligeira, na zona de Rio Maior, os ocupantes puseram-se em fuga, enquanto o motorista do camião TIR, apesar de debilitado, se dirigiu a um posto da GNR para participar a ocorrência, explicou à agência Lusa o coordenador do Departamento de Investigação Criminal (DIC) da PJ de Leiria, António Sintra.A investigação, levada a cabo nas 48 horas após o crime - cometido na sexta-feira, 21 de Dezembro -, permitiu às autoridades recuperar o camião e a totalidade da mercadoria roubada, assim como deter os suspeitos, com idades entre os 36 e os 49 anos.O coordenador do DIC de Leiria adiantou que dois dos detidos têm antecedentes criminais por crimes violentos, como ofensas à integridade física ou tentativa de homicídio, e por burlas. António Sintra, que também foi o coordenador da investigação, acrescentou que os cinco homens - um motorista, um serralheiro, um comerciante e dois empresários - são de nacionalidade portuguesa.“Não temos elementos que os possam relacionar com factos semelhantes, mas terão tido informação prévia sobre a rota do camião, uma vez que uma acção deste tipo tem de ser preparada com alguma antecedência. Tratava-se de um transporte com rotinas, com o mesmo trajecto e que se faz com alguma regularidade”, frisou o responsável.As autoridades apreenderam ainda cinco automóveis, uma arma eléctrica proibida e diverso material de disfarce. Os cinco homens estão indiciados pela prática dos crimes de roubo, sequestro, uso de arma proibida e falsificação de documentos.Depois de presentes a primeiro interrogatório judicial, o juiz de instrução criminal decretou a prisão preventiva a três dos homens, enquanto os restantes ficaram sujeitos a termo de identidade e residência. A investigação foi desenvolvida pelo Departamento de Investigação Criminal de Leiria, da PJ, em articulação com a Guarda Nacional Republicana.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...