uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Dono de pastelaria em Almeirim andou a pagar rendas a empresa que não era dona do imóvel

Dono de pastelaria em Almeirim andou a pagar rendas a empresa que não era dona do imóvel

António Carvalho optou por fechar o estabelecimento quando soube que tinha sido enganado
Edição de 09.01.2013 | Sociedade
O gerente da Pastelaria Rainha na zona norte de Almeirim arrendou as instalações a uma empresa que não é dona do imóvel. António Carvalho já tinha pago sete meses de renda quando descobriu que afinal tinha sido enganado. O empresário até pensou que era uma brincadeira quando funcionários da Caixa Geral de Depósitos lhe apareceram recentemente no estabelecimento a dizer-lhe que estava a ocupar ilegalmente o espaço e que este é propriedade do banco. António Carvalho optou por encerrar o estabelecimento e dispensar os quatro funcionários. O empresário, que tem mais duas pastelarias, em Muge (Salvaterra de Magos) e Benfica do Ribatejo (Almeirim), quis expandir o negócio e viu um cartaz numa loja nuns prédios na Avenida Mário Soares, perto das piscinas, com a indicação de que esta estava para alugar ou vender. António ligou para o número que estava no cartaz, combinou com uma alegada representante da empresa de utilidades do lar, combinou pagar 600 euros de renda mensais e fez um contrato de arrendamento pelo prazo de cinco anos e que tinha início em 2 de Janeiro de 2012. A pastelaria abriu em Maio depois de o empresário ter investido cerca de 60 mil euros em obras de adaptação e equipamentos. Ainda lhe faltam pagar cerca de 17 mil euros de empréstimo pelo investimento. Fez casas de banho, cozinhas, colocou isolamento acústico e um tecto falso novo entre outros melhoramentos. “Tenho cerca de 20 mil euros de obras que fiz aqui que já não vou conseguir recuperar”. António Carvalho tinha a possibilidade de negociar com o banco proprietário do imóvel, mas optou por fechar o estabelecimento para não ter mais prejuízos e porque tem outros dois estabelecimentos de onde vai retirando rendimento para viver. António Carvalho sente-se burlado e diz que agora em futuros negócios já vai ter muitas mais cautelas. O empresário, natural de Foros de Benfica do Ribatejo, que trabalhou numa farmácia em Almeirim, enveredou pelo ramo da pastelaria há cerca de sete anos. Agora diz que só lhe resta recorrer ao tribunal, apesar de não ter muita esperança de recuperar o dinheiro que já gastou nas rendas e nas obras. A empresa em causa, que no contrato de arrendamento se identifica como dona do imóvel, aparece na lista de devedores às Finanças com uma dívida entre os 10 e os 50 mil euros.
Dono de pastelaria em Almeirim andou a pagar rendas a empresa que não era dona do imóvel

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...