uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Apanhado a conduzir com carta de mulher que já morreu

Apanhado a conduzir com carta de mulher que já morreu

Edição de 30.01.2013 | O Cartoon da Notícia
Os polícias de Santarém ficaram boquiabertos quando olharam para a carta de condução de um automobilista que tinham mandado parar, na qual nada batia certo. A fotografia no documento era a dele, mas o nome era o de uma mulher. Segundo a PSP, quando o condutor foi abordado disse que tinha carta de condução mas que não a trazia com ele. Depois, a companheira que seguia ao lado, tentando resolver o problema acabou por agravá-lo, apresentando uma carta de condução onde constava a fotografia do condutor. Só que estava em nome de uma mulher nascida em 1918 e que já faleceu, segundo apuraram os agentes da autoridade. Como se não bastasse o facto de nem nome nem sexo condizerem com os de quem apresentou o documento (e de não ter sido exibida qualquer declaração de mudança de sexo pelo mesmo), a suposta titular da carta de condução seria familiar da companheira do homem, que entretanto foi detido pelos agentes por falsificação de documento. O homem de 45 anos tinha também no interior da viatura um chicote e uma moca, objectos que foram apreendidos.
Apanhado a conduzir com carta de mulher que já morreu

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...