uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
União Juventude de Alverca representa o andebol no Nacional da III Divisão

União Juventude de Alverca representa o andebol no Nacional da III Divisão

A equipa participa numa prova com 14 equipas, em que as cinco primeiras discutem a subida

Equipa formada por jogadores juniores que estudam e por seniores que trabalham, quase todos de Alverca, tenta fazer melhor figura esta época na série de Lisboa da III Divisão Nacional, sob a orientação técnica de Jorge Tarracha. A única equipa sénior do concelho aposta também em divulgar a modalidade.

Edição de 09.10.2013 | Desporto
A União Juventude de Alverca (UJA) tem a única equipa do concelho de Vila Franca de Xira a praticar andebol federado na categoria sénior. O gosto pela modalidade e a sua divulgação são dois dos principais motivos para os quais a equipa começou este sábado a disputar a Zona 4 (Lisboa) do Campeonato Nacional da III Divisão. Não tem grandes ambições desportivas por dispor de um plantel amador mas também pelo facto de não ter estruturas e escassos apoios oficiais e patrocínios.Com 24 jogadores juniores e seniores a treinar, o técnico Jorge Tarracha, que nos anos 80 jogou pelo Vilafranquense, tem para já dez jogadores inscritos, mas espera contar no total com 18, de acordo com a disponibilidade dos jogadores que estudam e trabalham. O clube tem ainda uma equipa de juvenis que disputa os regionais da categoria.A equipa participa numa prova com 14 equipas, em que as cinco primeiras discutem a subida de divisão e as restantes (não havendo descidas de divisão) vão participar no campeonato distrital de Lisboa. “Depois da participação no Campeonato do ano passado, ficámos em terceiro do campeonato regional de Lisboa. Este ano, e não tendo capacidade para lutar por grandes objectivos, vamos tentar vencer o maior número de jogos possível”, refere Jorge Tarracha. Na época passada, o ainda júnior Gabriel Moreira deu a satisfação de ser o melhor marcador do campeonato.Para jogadores estudantes e trabalhadores, a semana é composta de treinos de hora e meia às segundas, terças e quintas-feiras no pavilhão municipal de Alverca. É aí que o clube faz todos os seus jogos com o apoio nas bancadas de familiares e amigos de jogadores e técnicos, e alguns adeptos.Os jogos oficiais começaram a doer este fim de semana. Para o campeonato a UJA foi a Telheiras perder com o ART por 31-19. No domingo, recebeu em casa o Loures para a Taça de Portugal e foi derrotado por 18-33.Clube onde os atletas pagam para jogarFundado em 25 de Abril de 1996 o União Juventude de Alverca criou a secção de andebol em 1998. Desde então o clube disputou campeonatos regionais e da II e III divisões. O emblema envolve jogadores e ex-jogadores e técnicos como seus dirigentes, a grande maioria provenientes de Alverca, e todos pagam para jogar. “Todos os jogadores seniores pagam uma inscrição de 102 euros para jogar. Uns treinam e jogam, outros só treinam pelo prazer de praticar esta modalidade”, explica Bruno Pinto, fundador, presidente e ex-técnico e ex-jogador da UJA. Estão também a decorrer treinos de captação de minis e bambis para chamar mais jovens ao andebol. Se os apoios são escassos, já as despesas são fixas. Há sempre que contar com as inscrições na Associação de Lisboa, nas competições, além de se pagar a médico e as arbitragens.A par do andebol, a UJA conta ainda com secção de atletismo que procura espaço para crescer e secção de ténis, fazendo uso dos campos da quinta do Galvão e do jardim parque.
União Juventude de Alverca representa o andebol no Nacional da III Divisão

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...