uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Yohan Sousa vai ‘defender’ Portugal na Final Mundial nos Estados Unidos

Yohan Sousa vai ‘defender’ Portugal na Final Mundial nos Estados Unidos

Yohan Sousa conquistou o Troféu Rotax 2013 ao vencer a quarta e última prova disputada no fim-de-semana no Kartódromo de Viana do Castelo. Com esta vitória, o piloto do Entroncamento garantiu a qualificação para as Finais Mundiais da competição propulsionada pelos motores austríacos que serão disputadas entre 9 e 16 de Novembro, em Nova Orleães, nos Estados Unidos.

Edição de 09.10.2013 | Desporto
Quinze dias depois de se ter sagrado Campeão Nacional de Karting da categoria júnior, Yohan Sousa voltou a vencer mais uma importante competição: o Troféu Rotax 2013, sendo o terceiro título que conquista esta época, dado que no início do ano também subiu ao lugar mais alto do pódio na Rotax Winter Series, competição igualmente integrada no calendário desportivo da Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting (FPAK). O piloto da equipa YKart Competition Team, ao volante do seu habitual Kart equipado com chassis CRG preparado por Paulo Barreiro - fundamental na carreira de Yohan Sousa nos últimos anos, sendo que ambos ganharam em 2011 tudo o que havia para ganhar em Portugal -, partiu para a quarta e última prova do Troféu Rotax 2013, disputada no circuito minhoto com seis pontos de vantagem face ao seu mais directo adversário na luta pelo título, Nuno Sousa, piloto natural de Viana do Castelo. Yohan Sousa esteve focado em manter a liderança para cumprir os seus intentos que passavam por conquistar a competição e garantir a qualificação para a final mundial nos Estados Unidos. O piloto de 13 anos de idade foi o terceiro mais rápido nos treinos cronometrados e nas três finais fez uma boa gestão, garantindo sempre o lugar intermédio do pódio, resultados suficientes para conquistar a edição 2013 do Troféu Rotax da categoria júnior. “Optei por fazer uma gestão em termos de classificação geral no Troféu e acabei por vencer. O meu mais directo adversário, o Nuno Sousa, teve problemas mecânicos e isso também facilitou a minha tarefa. Agora vou ter uma nova experiência que será disputar a minha primeira Final Mundial Rotax nos Estados Unidos, onde espero representar bem Portugal. Dado que será a minha estreia na competição, o meu objectivo inicial será qualificar-me para a corrida final. Depois, se terminar no top-20 já é um óptimo resultado. Mas logo se vê, pois também este ano disputei pela primeira vez o Campeonato da Europa, no qual participaram mais de 80 pilotos nas provas de Espanha e Itália e consegui um excelente 15º lugar final. Esta época tem sido muito positiva, mas muito se deve ao trabalho da minha equipa, a YKart Competition Team, na qual o meu mecânico Paulo Barreiro tem feito um trabalho notável”, sublinhou Yohan Sousa.
Yohan Sousa vai ‘defender’ Portugal na Final Mundial nos Estados Unidos

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...