uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Em três horas 175 condutores foram apanhados em excesso de velocidade na estrada de S. Domingos

Em três horas 175 condutores foram apanhados em excesso de velocidade na estrada de S. Domingos

Polícia quer reduzir a sinistralidade dentro de Santarém e está a avisar no Facebook onde coloca os radares
Edição de 16.10.2013 | Sociedade
Entre as 16h00 e as 19h00 de segunda-feira a PSP apanhou 175 condutores em excesso de velocidade no troço da estrada de S. Domingos, entre a rotunda que dá acesso ao hospital e a entrada para a circular urbana de Santarém. Os próprios agentes estavam admirados com tanta infracção e não tinham mãos a medir na identificação dos condutores. Muitos não foram autuados no local e vão receber a multa em casa. Se não quer ser apanhado é melhor estar atento ao Facebook porque a Polícia passou a divulgar na sua página os locais onde coloca os radares para não dizerem que andam na caça à multa. A comandante da esquadra de trânsito, Manuela Guerra, justifica as razões de colocar o radar naquela zona com o facto de ser um local com muitos acidentes, sobretudo atropelamentos. Já houve atropelamentos mortais no local. A chefe principal realça que a polícia quer ter uma atitude preventiva ao colocar as localizações dos radares no Facebook. Acrescentando que o principal objectivo é que dentro dos limites urbanos as pessoas cumpram os limites de velocidade para que se consiga diminuir o número de acidentes. Nos primeiros 15 minutos da operação que O MIRANTE acompanhou foram detectados 23 excessos de velocidade. O carro descaracterizado da PSP estava a cerca de 200 metros da rotunda no sentido descendente, bem visível. E nem o facto de Manuela Guerra, fardada, estar no passeio junto ao carro, fez com que muitos condutores reduzissem a velocidade. O agente Jorge Vieira, operador de radar, ia comunicando via rádio as matrículas dos carros detectados para serem mandados parar mais à frente pelos colegas, depois de a fotografia ficar registada num computador que regista também a velocidade e a hora.Jorge Vieira diz que já tem detectado situações que ultrapassam todos os limites e colocam em risco os condutores que circulam em excesso de velocidade e os outros utentes da estrada. Conta que na Estrada Nacional 3, entre a saída da cidade e o Centro Nacional de Exposições, conhecida por calçadinha, já apanhou condutores a subir que circulavam a 130 quilómetros por hora. Quando o limite de velocidade é de 50 Kms/hora. Na operação de segunda-feira, numa zona de 50 Kms/hora, a PSP estava a multar todos os que circulassem a mais de 56. A maior parte foi autuada por infracções leves (que não excedem 20 kms/hora para além do limite) com 60 euros de multa. Mas também houve muitos a atingir no espaço de 200 metros entre a rotunda e o radar uma velocidade superior a 80. Estes pagam uma multa de 120 euros e ainda podem ficar inibidos de conduzir durante determinado período por determinação da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária.
Em três horas 175 condutores foram apanhados em excesso de velocidade na estrada de S. Domingos

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...