uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Maria do Céu Albuquerque quer um concelho com mais notoriedade externa

Maria do Céu Albuquerque quer um concelho com mais notoriedade externa

Presidente da Câmara de Abrantes deu as boas vindas ao novo mandato com um balanço do trabalho feito e traçou metas para os próximos quatro anos.

Edição de 23.10.2013 | Política
“O resultado eleitoral não nos deixa dúvidas. As pessoas sabem o que querem e quem querem para os representar”, disse Maria do Céu Albuquerque (PS) naquele que foi o seu primeiro discurso oficial depois de empossada para o segundo mandato, renovando o compromisso de dar continuidade a um esforço de investimento assumindo agora uma responsabilidade redobrada e consciente de que os cidadãos anseiam que o novo executivo mantenha a proximidade centrando-se mais nas pessoas, instituições e empresas.A noite já tinha avançado quando no sábado, 19 de Outubro, no auditório da Escola Dr. Manuel Fernandes, a autarca subiu ao palanque. Para além de reforçar o resultado autárquico pela vitória em todas as freguesias do concelho alcançada pelo PS para a câmara municipal, Maria do Céu Albuquerque não deixou de fazer um balanço da situação financeira da autarquia. “Amortizámos 7,4 milhões de euros na dívida de médio-longo prazo. Não temos dívidas a fornecedores”, afirmou.Para os próximos quatro anos, o executivo é constituído por Maria do Céu Albuquerque (PS), Manuel Jorge Valamatos (PS), Celeste Simão (PS), já eleitos no anterior mandato, e pelos estreantes João Carlos Gomes e Luís Filipe Dias (PS), Elza Vitório (PSD) e Avelino Manana da CDU.Maria do Céu Albuquerque apontou dez pilares fundamentais para o mandato: educação e qualificação do capital humano; promoção do bem-estar e a qualidade de vida; inclusão social e coesão territorial; qualificação e facilitação do ambiente de negócios; atracção e dinamização da iniciativa empresarial; estruturar e promover o potencial turístico; reabilitação urbana e ordenamento do território; valorização ambiental e prevenção de riscos; promoção da eficiência energética e das energias renováveis; governação local e modernização administrativa. A autarca reeleita por maioria no dia 29 de Setembro compromete-se a estar na linha da frente por “um concelho com maior notoriedade externa. Uma cidade que se afirma a nível regional. Um território capaz de fixar mais investimento e de oferecer melhor qualidade de vida”.Na mesma sessão Nélson de Carvalho foi eleito presidente da Assembleia Municipal de Abrantes sendo secretariado por Manuel Duarte dos Santos e Isilda Jana.Alexandre Alves surpreende ao marcar presençaAlexandre Alves, presidente da RPP Solar, surpreendeu ao marcar presença na cerimónia de tomada de posse dos novos eleitos de Abrantes. O empresário que prometeu a criação de 2000 postos de trabalho em Abrantes com a construção do mega projecto da RPP Solar, que prevê a edificação de um complexo industrial ligado à produção de painéis solares na freguesia de Concavada, esteve sentado na plateia e causou burburinho a quem deu pela sua presença.O processo polémico que tem envolvido a RPP Solar e o Município de Abrantes contínua envolto em interrogações. Em Agosto deste ano a Câmara de Abrantes acabou por declarar a caducidade do licenciamento do projecto.
Maria do Céu Albuquerque quer um concelho com mais notoriedade externa

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...