uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

AgroCluster Ribatejo recebeu mais importadores estrangeiros

Na continuidade das acções de internacionalização desenvolvidas em 2013, o AgroCluster Ribatejo recebeu recentemente importadores de quatro nacionalidades com o objectivo de angariar negócios para as empresas agroindustriais da região. Grupo brasileiro Pão de Açúcar já fechou negócio com uma empresa.

Edição de 11.12.2013 | Economia
De 25 a 30 de Novembro o AgroCluster recebeu quatro dos principais importadores nos mercados onde estão inseridos. Do Brasil foi recepcionado o “Pão de Açucar”, maior grupo de distribuição da América Latina, com mais de 1900 lojas. Da China esteve presente o director da “Beijing Just”, principal importador e distribuidor para a zona de Beijing. De Moçambique esteve presente o responsável de compras da “Tropigália”, um dos principais importadores desse mercado, e o Dubai fez-se representar pelo responsável de compras da empresa “Aramtec”, maior especialista de foodservice dos Emirados Árabes Unidos.No âmbito desta recepção de importadores, foram realizadas diversas reuniões com empresas da região, potenciando o negócio para as empresas portuguesas, que já começaram a dar frutos. Neste momento, o grupo brasileiro “Pão de Açucar” fez uma encomenda de um contentor a uma das empresas visitadas.De referir que até ao momento as acções de apoio à internacionalização levadas a cabo pelo AgroCluster Ribatejo, já resultaram na concretização de negócios na ordem dos 200.000 euros. Recorde-se que o AgroCluster Ribatejo tem recebido nesta região importadores de diferentes países interessados na oferta de produtos agroalimentares dos seus associados. No corrente ano já foram recebidos, a convite do AgroCluster, importadores dos EUA, Dubai, Alemanha, Colômbia, Equador, Uruguai, Polónia, China e Moçambique, num total de 14 importadores. Azeite, enchidos, vinhos, queijos, arroz, condimentos/molhos, sumos/néctares, vinagres, azeitonas, tremoços, especiarias, cereais/farinhas, bolachas, águas, frutos secos, café/chá, confeitaria, e geleias/compotas, são os produtos mais procurados por estes importadores.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...