uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Joaquim Góis

Joaquim Góis

Presidente da Sociedade Recreativa e Musical da Pedreira, 53 anos, Tomar

“Gosto muito das cidades de Lisboa e Tomar, mas é no campo que me sinto em casa. Gosto de observar e da interacção com a natureza. Trabalhar duramente no campo é um passatempo que me dá muita energia e tranquilidade”* * *“Na minha opinião há quatro selecções com hipótese de ganhar, com iguais chances, o Mundial: Brasil, Alemanha, Espanha e Portugal. O factor sorte e inspiração individual poderá ser determinante no vencedor final. Vamos ter fé que vai ser Portugal”

Edição de 18.06.2014 | Agora falo eu
Qual é o maior desafio para uma colectividade nos nossos dias?Conseguir conciliar o voluntariado com todos os valores que este representa e com as exigências técnicas e de disponibilidade de tempo que a gestão duma colectividade obriga. O voluntariado valioso dos dirigentes associativos deveria ter um melhor enquadramento legal/fiscal, que reconhecesse o importante trabalho social realizado por estes. Seria uma boa medida para permitir que esta “galinha dos ovos de oiro” continuasse pujante e disposta a enfrentar novos desafios.Gosta mais de liderar ou ser liderado?Gosto de liderar mas também encontro motivação se for liderado por alguém que seja capaz de entusiasmar pelos seus projectos e pela forma como gere as equipas. O importante é trabalhar em equipa. Gosto da mensagem dos “mabecos” – cães selvagens africanos - que não sendo os mais fortes nem os mais velozes são os mais temíveis. Porque sabem trabalhar em equipa. E quando o líder por qualquer motivo está fragilizado, outro toma com naturalidade a liderança. Esta alternância natural de liderança também é um bom exemplo a seguir.Era capaz de viver sem música?Não. A música é algo que me diz muito. Aprecio a música desde a música clássica até ao heavy metal . Adoro música filarmónica , música coral, rock. O meu ídolo no campo musical foi Freddy Mercury, vocalista dos Queen, e a canção “Bohemian Rhapsody” a melhor canção de sempre. Gosto muito de karaoke. Zeca Afonso, Roberto Carlos e Luís Represas são os artistas que gosto mais de cantar.Como é que vive esta altura dos santos populares?É uma época muito especial. Gosto muito da forma como se festeja na minha terra, na Pedreira. Ir ao alecrim, saltar a fogueira, comer sardinhas, bailar, conviver com os amigos.Já visitou alguma praia fluvial da região?Sim. O vale do Nabão tem locais fabulosos para recreio e lazer num enquadramento paisagístico natural ímpar. Fonte do Caldeirão, Sobreirinho e Lapas são paraísos para descobrir e disfrutar.Concorda que os políticos usem o Facebook para responderem aos críticos?O Facebook é um meio de comunicação como qualquer outro. Com bom senso e com conta, peso e medida não me choca que o Facebook possa ser utilizado para interacção entre eleitos e eleitores.Campo ou cidade?Gosto muito das cidades de Lisboa e Tomar, mas é no campo que me sinto em casa. Gosto de observar e da interacção com a natureza. Trabalhar duramente no campo é um passatempo que me dá muita energia e tranquilidade.Qual é o seu truque para manter a calma perante um imprevisto?Ter sempre fé de que há sempre um caminho para ultrapassá-­lo.Os jovens estão motivados para segurar as tradições?Neste aspecto, as colectividades são “gigantes”. Envolver os jovens na vida quotidiana das associações será o caminho certo para a preservação das tradições. É um desafio para ganhar. Estrategicamente este envolvimento dos jovens vai ser vital para a própria sobrevivência do movimento associativo.Se lhe saísse o Euromilhões qual era a primeira coisa que fazia?Não me vai sair porque não jogo. Se tivesse muito dinheiro criava um fundo de apoio a instituições de solidariedade social atribuído às instituições que se destacassem no apoio social à velhice e deficiência.O que punha a funcionar na sua terra que não existe?Transformar a actual freguesia de Além de Ribeira e Pedreira e o vale do Nabão num pólo de excelência do turismo natureza nas suas diversas vertentes.Acha que a Selecção Nacional tem hipóteses de ganhar o Mundial?Na minha opinião há quatro selecções com hipótese de ganhar, com iguais chances. o Mundial: Brasil, Alemanha, Espanha e Portugal. O factor sorte e inspiração individual poderá ser determinante no vencedor final. Vamos ter fé que vai ser Portugal.
Joaquim Góis

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...