uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

União de Freguesias de Chamusca e Pinheiro Grande não faz obras por causa de dívidas

Edição de 04.11.2015 | O Mirante dos Leitores
Recentemente, chegou às caixas de correio de zona abrangida pela União de Freguesias de Chamusca e Pinheiro Grande um Infomail a afirmar que “será inevitável a redução da falta de investimento previsto”. Esta falta de investimento tem como base a “gravíssima situação herdada”.Num ponto anterior, o senhor presidente da União de Freguesias escreve “a Freguesia de Pinheiro Grande não pagou as despesas relativas àquela entidade (ADSE) desde Outubro de 2003, as quais totalizam o montante de 9.311,80€.Perante estas inverdades, esclareço: Efectivamente, no meu Mandato 2001-2005 e com base na informação da ADSE, que não contesto, há o débito do 3º trimestre de 2003 no valor de 580,00€ e outro do 1º trimestre de 2004 no valor de 420,00€, tendo eu, hoje mesmo, enviado carta registada com aviso de recepção à ADSE a pedir fotocópia ou duplicado de “Nota de reembolso de capitação” para ver se percebo a causa do atraso em tais pagamentos, até porque, verbas para a ADSE ou CGA estavam sempre de reserva.Reforçando este ponto, pergunto: Que funcionário administrativo, no seu perfeito juízo, deixava de pagar voluntariamente, os descontos a seu favor e seus familiares sem ordens em contrário?Voltando às dívidas que o senhor presidente afirma serem desde Outubro de 2013 esclareço: Foi pago o 3º trimestre de 2003 o 2º o 3º e o 4º de 2004 e todo o ano de 2005 isto, no meu mandato.Há mais pagamentos à posterior e pelo extracto, da ADSE só começou a haver falhas a partir de 15-01-2007 mas isso, já são contas de outro rosário.A ânsia de denegrir é tanta que para além do Infomail também veio para a Comunicação Social com o mesmo assunto mas com mais pormenores. Mais tarde iremos ver quem é o último a rir.Artur Maria JacintoMas será que não existe qualquer penalização para quem anteriormente se comprometeu a gerir a Junta de Freguesia do Pinheiro Grande e que apenas se limitou a aumentar as despesas com decisões ilegais ou despropositadas? Continuaremos nós, Povo, a ter que pagar e sofrer com a irresponsabilidade de quem não sabe minimamente o que é gerir ou governar?Luís Silva

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...