uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Morreu o jovem do Arripiado que lutava há anos contra a leucemia

Morreu o jovem do Arripiado que lutava há anos contra a leucemia

Edição de 11.11.2015 | Sociedade
Faleceu o jovem do Arripiado, Chamusca, que lutava há quase dez anos contra uma leucemia. João Pedro Calisto faleceu no sábado, cerca das 20h45, no Hospital de Torres Novas, onde estava hospitalizado. O funeral realizou-se na segunda-feira, 9 de Novembro, tendo o jovem de 17 anos ficado sepultado no cemitério de Arripiado. A situação do jovem motivou várias campanhas de solidariedade e de apoio na região.O jovem foi acompanhado no Instituto Português de Oncologia (IPO) em Lisboa. Durante sete anos, realizou muitos e dolorosos tratamentos de quimioterapia. Em Novembro de 2010 foi submetido a um transplante de medula que parecia ter corrido muito bem e após acompanhamento a avaliação foi normal e toda a terapêutica foi retirada. Em Setembro de 2012 teve uma recaída medular. Voltou a iniciar vários tratamentos e em Maio de 2013 teve uma segunda recaída. O IPO chegou a comunicar à sua mãe, Glória Calisto, que a situação do João Pedro era irreversível e não havia mais tratamentos que o pudessem ajudar a debelar a doença. Mas Glória Calisto e o filho, que viviam actualmente no Entroncamento, nunca desistiram de lutar. Em Janeiro deste ano João Pedro voltou a ser notícia por causa das injustiças do sistema. As campanhas de solidariedade que foram feitas a favor do jovem foram vistas como um aumento do rendimento familiar e o Estado retirou-lhe as isenções das taxas moderadoras nos serviços de saúde.
Morreu o jovem do Arripiado que lutava há anos contra a leucemia

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...