uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Rio Maior aposta na requalificação da zona ribeirinha

Edição de 12.03.2016 | Sociedade

Mudar a face da zona ribeirinha do rio Maior na zona mais antiga da cidade com o mesmo nome é uma das prioridades da câmara municipal para os próximos anos, estando prevista uma candidatura a fundos comunitários para o efeito. Para já, o executivo camarário deu luz verde à contratação de uma empresa para elaborar o projecto de requalificação da zona ribeirinha, por não ter meios técnicos disponíveis. O valor base do procedimento para aquisição desses serviços é de 25.800 euros mais IVA.
Devolver o rio Maior à cidade e torná-lo no principal elemento estruturante e unificador de toda a área, relacionando-o com o meio urbano envolvente, são os princípios orientadores da empreitada de requalificação que a Câmara de Rio Maior quer levar avante. A intenção é recuperar a fruição dessa área, transformando-a num parque urbano vocacionado para o lazer e para a prática de exercício, com ligação também à villa romana. A intervenção prevê também o desassoreamento do curso de água, que por vezes é alvo de descargas poluentes, e a estabilização dos taludes das margens.
A aposta na requalificação da zona ribeirinha foi saudada pelo executivo camarário. O vice-presidente Carlos Frazão afirmou mesmo que “a melhor prenda” que lhe poderiam dar seria a recuperação do rio Maior, perto do qual nasceu. “E isso estará a um passo muito curto de se concretizar”, declarou.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...