uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Em defesa do sobreiro e da cortiça

Edição de 27.04.2016 | O Mirante dos Leitores

Em 2014 foi anunciada a criação do Centro de Competências do Sobreiro e da Cortiça - CCSC, para a defesa do sobreiro e da cortiça. É sabido que Portugal é líder mundial na produção de cortiça com uma cota acima de 50%. O sobreiro é responsável por 23% da floresta portuguesa num total de 716 mil hectares e foi recentemente aprovado como árvore nacional. Desde 2011 que tenho dado o meu modesto contributo em defesa do sobreiro, da cortiça e da rolha. Alertei várias vezes para o estado de degradação em que se encontra uma boa parte do nosso montado; não só o sobreiro mas também as azinheiras e outras espécies. Nesses escritos alertei também para o facto de actualmente não existirem rolhas de qualidade, daquelas que todos os produtores de vinho gostariam de utilizar. Sou um pequeno proprietário de sobreiros e também de vinhas e sei do que falo. As rolhas de cortiça portuguesas eram conhecidas e apreciadas pela sua qualidade ao longo de muitos anos e estranho muito (e deixo aqui mais uma vez o alerta) que sejamos obrigados a usar rolhas de aglomerado, que eu e muita gente odeia e logo numa altura em que a superior qualidade dos vinhos portugueses se está a impor no mundo. Aqui fica mais uma vez o meu alerta.
Guilherme da Conceição Duarte

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...