uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Relançada a ideia de almoço convívio de ex-alunos da escola do Ateneu de Santarém

Aluno do primeiro curso, Luís Ilídio Pereira, tem 93 anos de idade e ainda trabalha

Edição de 12.05.2016 | Economia

Ainda está vivo e a trabalhar um dos alunos do primeiro Curso Complementar de Comércio do Ateneu de Santarém. Chama-se Luís Ilídio Nunes Pereira, frequentou a antiga escola fundada pela Associação Comercial de Santarém, entre 1934 e 1937, trabalha num escritório daquela cidade e tem 93 anos.
A descoberta deste antigo aluno ainda em actividade veio cimentar a ideia da realização de um almoço convívio de antigos alunos do Ateneu e a organização continua a desenvolver esforços para encontrar o maior número possível de ex-alunos daquela que é considerada a escola precursora da escola técnica pública em Santarém.
O Ateneu nasce por iniciativa da Direcção da Associação Comercial de Santarém, em 1933. A ideia era lançar em Santarém um curso de comércio, em ensino nocturno, destinado a desenvolver competências nos trabalhadores, com a finalidade do desenvolvimento económico da região. É assim que nasce, em 1934, o Curso Complementar de Comércio que mais tarde passa a Curso Geral de Comércio que funciona no Ateneu até 1962. O seu encerramento deveu-se à instalação em Santarém da Escola Industrial e Comercial em 1956.
A ideia de organizar um almoço convívio de ex-alunos do antigo Ateneu, ganhou força há dois anos, durante a realização do almoço anual dos antigos alunos da Escola Industrial e Comercial de Santarém. Foi suscitada pelo facto de alguns dos participantes terem frequentado as duas escolas e também porque estar presente o Dr. Luís Eugénio Ferreira que também leccionara nos dois estabelecimentos de ensino, o qual, infelizmente, já não está entre nós.
Entre todos os professores do Ateneu, só é conhecido vivo o Professor Doutor Joaquim Veríssimo Serrão, que leccionou no Ateneu de Outubro de 1948 a Novembro de 1950.
Para os antigos alunos do Ateneu, aquela escola foi, em forte medida, o farol das suas vidas e eles sentem-se gratos à Associação Comercial, e de forma muito especial aos seus professores, pela paciência e empenhamento com que os ajudaram a crescer. Relembram também o presidente da Associação Comercial, na altura do surgimento do Ateneu, Alfredo da Silva Leitão que foi também figura de destaque, em 1956, por ocasião da fundação da Escola Industrial e Comercial em Santarém.
O primeiro director do Ateneu foi o Dr. José Barata e o último o Dr. José Gomes Braz. Desde o arranque do estabelecimento de ensino, os alunos ali preparados fizeram os exames na Escola Comercial Patrício Prazeres, em Lisboa e, ocasionalmente em escola idêntica nas Caldas da Rainha.
O Ateneu contribuiu para o desenvolvimento da região, tendo sido uma escola inclusiva ao permitir que caixeiros e trabalhadores das mais variadas profissões tivessem adquirido competências próprias do antigo ensino técnico profissional.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...