uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Quatro imigrantes ilegais detidos em Alpiarça

No concelho de Rio Maior foram identificadas duas pessoas em situação ilegal

Edição de 23.11.2016 | Sociedade

A GNR de Alpiarça deteve no dia 16 de Novembro quatro indivíduos que se encontram em situação ilegal em Portugal. Três indivíduos foram detidos por não terem visto ou outro documento válido que os habilitasse a permanecer em território. O outro foi detido por suspeitas de auxílio à imigração ilegal. Segundo a GNR, este último, com título de residência em Portugal, é proprietário de uma empresa de angariação de mão-de-obra para trabalho agrícola.
“Com intenção de obter lucro, suspeita-se que o indivíduo angariava e fazia chegar a Portugal cidadãos em situação ilegal, colocando-os em explorações agrícolas no distrito de Santarém, suspeitando-se da prática de crimes como tráfico de seres humanos e auxílio à imigração ilegal”, refere a GNR em comunicado. Os detidos, com idades entre os 23 e os 25 anos, foram sujeitos a Termo de Identidade e Residência, sendo que a dois deles foi decretado a ordem de expulsão do território nacional no prazo de 20 dias.
No concelho de Rio Maior, militares da GNR detectaram na quinta-feira, 16 de Novembro, “possíveis” trabalhadores em situação ilegal no país. Durante uma operação a um estabelecimento comercial, com o intuito de verificar as condições de segurança e trabalho, foram identificadas 60 pessoas, das quais 56 eram estrangeiras.
Nesta operação, duas pessoas foram notificadas para abandonar o país; 25 estavam em situações passíveis de infracção no âmbito da imigração ilegal; foi levantado um auto de contra-ordenação à empresa por empregar cidadãos em situação ilegal. A operação contou com a colaboração do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE), da Autoridade para as Condições de Trabalho (ACT) e da Autoridade Tributária (AT).

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...