uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Sara Costa é a nova vereadora socialista na Câmara de Tomar

Sara Costa é a nova vereadora socialista na Câmara de Tomar

Jovem jurista assume cargo após três renúncias

Edição de 30.11.2016 | Sociedade

Sara Costa é a nova vereadora na Câmara Municipal de Tomar substituindo o vereador Rui Serrano (PS) que renunciou ao mandato no início da semana passada. O PS teve dificuldades em encontrar substituto para o lugar deixado vago por Serrano uma vez que Anabela Estanqueiro, Virgílio Matos e Rui Sant’ovaia, os nomes seguintes na lista do PS à câmara, não aceitaram o cargo. Sara Costa tem 26 anos e é licenciada em Direito. Foi a número 7 da lista de candidatos do PS nas autárquicas de 2013.
Em comunicado, a concelhia do PS de Tomar agradece ao ex-vereador Rui Serrano o seu empenho durante os seus três anos de vereação. “Não devemos esquecer quem dá o melhor de si em cada momento pela causa pública”, refere, acrescentando que compreendem as motivações pessoais e profissionais que levaram os restantes eleitos a não assumirem o mandato. “Acreditamos que o novo elemento na vereação vai reforçar a estabilidade na governação do município de Tomar. As suas competências são uma mais-valia para o futuro do concelho de Tomar”, conclui a concelhia socialista de Tomar.
A advogada Anabela Estanqueiro, a número quatro na lista de candidatos do Partido Socialista (PS) à Câmara de Tomar, renunciou ao mandato, assim como o eleito seguinte na lista, Virgílio Matos. Virgílio Matos justificou a sua renúncia com o facto de ser o actual chefe de gabinete da presidente da Câmara de Tomar, Anabela Freitas (PS), cargo que desempenha desde o início deste ano, após a saída de Luís Ferreira.
Recorde-se que Rui Serrano já tinha renunciado aos pelouros no final de Agosto deste ano, justificando a decisão com o facto de não concordar com a gestão autárquica da sua camarada de partido e presidente do município. Com a renúncia aos pelouros de Serrano a coligação PS/CDU, que gere o município, ficou em minoria no executivo municipal. A primeira decisão tomada pela oposição, com o apoio de Rui Serrano, foi a proposta dos Independentes por Tomar para que as reuniões camarárias passassem a realizar-se semanalmente, o que acontece desde o dia 17 de Outubro. Até então as reuniões eram quinzenais.
Com a entrada de Sara Costa no executivo municipal a coligação PS/CDU volta a ter maioria absoluta e a poder governar a autarquia com maior tranquilidade e não estar sujeita às ideias dos vereadores da oposição.

Sara Costa é a nova vereadora socialista na Câmara de Tomar

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...