uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Elementos da GNR armados e de cara tapada para desligar baixadas ilegais 

Edição de 26.01.2017 | O MIRANTE dos Leitores

Começo por dizer que não me agrada nada que os agentes da GNR que participam nestas deslocações para desligar baixadas ilegais de electricidade em bairros de barracas apareçam de cara tapada e bem armados fazendo lembrar fotografias de forças especiais em missões contra terroristas que mataram dezenas de pessoas em França, por exemplo.
Sei que o argumento deverá ser a protecção dos agentes contra eventuais vinganças mas, se a moda pega, qualquer agente da GNR ou da fiscalização económica que participe numa operação stop vai passar a usar os tais gorros que só permitem que se vejam os olhos. E se calhar os árbitros de futebol também. Antigamente eram os bandidos que andavam de cara tapada agora os polícias também tapam a cara. Não concordo. A autoridade tem que andar de cara destapada. Tapar a cara para desligar uma baixada ilegal num bairro pobre onde nem todas as pessoas são desonestas e há inúmeras crianças é um mau princípio. Para mim é!
Joaquim Torres Alves

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...