uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Quantidade de pilhas e baterias recolhidas em Santarém aumentou em 2016

Quantidade de pilhas e baterias recolhidas em Santarém aumentou em 2016

No ano passado a campanha promovida pelo município e a Resitejo juntou 231 quilos desses materiais

Edição de 26.01.2017 | Sociedade

Durante o ano de 2016 foram recolhidos no concelho de Santarém 231 quilos de pilhas e baterias usadas no âmbito da campanha a favor do IPO - Instituto Português de Oncologia promovida pelo município em parceria com a Resitejo e que envolveu também juntas de freguesia, escolas e funcionários da autarquia. Esse valor representou um acentuado aumento face a 2015, quando foram recolhidos 81 quilos desses materiais.
A entrega simbólica do material recolhido foi feita pela mascote da Resitejo Ribas nos Paços do Concelho no dia 12 de Janeiro, ao presidente da câmara Ricardo Gonçalves e aos vereadores Susana Pita Soares, Luís Farinha e Inês Barroso.
“O simples gesto de colocar as pilhas e baterias usadas no Pilhão, além de proteger o ambiente, reverte também a favor desta causa”, informa o município, sublinhando que se esses materiais forem deitados fora podem libertar numerosos compostos perigosos, tais como: ácidos, alumínio, chumbo, lítio, mercúrio, entre outros.

Quantidade de pilhas e baterias recolhidas em Santarém aumentou em 2016

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...