uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Torres Novas vai ter “folheto digital”

Torres Novas vai ter “folheto digital”

Património do concelho, mas não só, terá placas com códigos QR para os visitantes poderem consultar informação online, assistirem a vídeos ou terem acesso a conteúdos usando a tecnologia de realidade aumentada. O projecto recebeu o nome de #TorresCode e transporta Torres Novas para o futuro.

Edição de 29.03.2017 | Economia

A ideia é captar a atenção daqueles que não tiram os olhos do smartphone ou do tablet, principalmente os mais jovens. Por isso, o município de Torres Novas lançou o projecto “#TorresCode: Rede Digital de Interpretação e Descoberta de Torres Novas”, uma forma de promover a região em plena era tecnológica e de levar os visitantes a interagirem com os espaços que vão conhecendo. Como? Através de QR Codes (Quick Response Codes ). Basta que o visitante instale a aplicação QRCode no telemóvel, por exemplo, e depois procure os códigos nos vários locais do concelho onde estes estarão disponíveis - numa primeira fase, a arrancar já em 2017, o projecto incide sobre o Castelo de Torres Novas, considerado a porta da cidade. Depois de capturar o código, o visitante poderá pesquisar o conteúdo online sobre, neste caso, o castelo, mas também deixar comentários ou formular sugestões.
Por agora, a equipa está ainda a criar a rede de pontos de interesse do concelho para depois dotar cada local de uma placa informativa - com o respectivo código. Os códigos darão acesso a vídeos, fotografias, texto, site ou página de Facebook, a um mapa (ou percurso GPS) e ainda a música ou voz, para uma visita guiada, por exemplo. Estarão ainda disponíveis conteúdos usando a tecnologia de realidade aumentada. Em cada placa, além do código QR, existirá uma informação, resumida, em português e em espanhol, e o município prevê que exista ainda informação disponível em alfabeto Braille.
Este “folheto digital” abrange não apenas monumentos, mas também outros edifícios, bem como estátuas, biblioteca, ruas, praças e até paisagens. Os operadores turísticos não foram esquecidos: os códigos darão acesso a informações sobre alojamento ou restauração, acessíveis rapidamente através do telemóvel. O projecto #TorresCode é parte integrante do Plano Estratégico do Turismo que se encontra a ser delineado pelo município de Torres Novas.

Torres Novas vai ter “folheto digital”

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...