uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

PS de Salvaterra recandidata Hélder Esménio à câmara municipal

Divergências internas parecem ultrapassadas, depois de se ter falado na possibilidade do actual presidente avançar numa lista independente.

Edição de 26.04.2017 | Política

A concelhia socialista de Salvaterra de Magos aprovou a recandidatura de Hélder Esménio à presidência da câmara municipal nas eleições de 1 de Outubro. Hélder Esménio, 56 anos, engenheiro civil e técnico superior de segurança e higiene do trabalho, funcionário da Câmara Municipal de Salvaterra de Magos desde 1983, foi eleito pela primeira vez para o executivo municipal em 2009, então como vereador da oposição à maioria do BE. Nessas eleições, em que liderou a lista do PS como independente, duplicou o número de votos do partido no concelho, conseguindo ser eleito presidente nas autárquicas de 2013.
Acabou por se filiar no PS em 2016, recandidatando-se agora já como militante socialista, uma escolha aprovada em reunião da concelhia depois de uma “avaliação muito positiva do exercício dos mandatos autárquicos e dos resultados alcançados em função do conjunto alargado de constrangimentos encontrados, nomeadamente no plano social mas também do planeamento futuro e recursos financeiros”, afirma um comunicado daquela estrutura.
Segundo a nota, o presidente da concelhia socialista de Salvaterra de Magos, Nuno Antão, vai ser o director de campanha da candidatura. Para trás das costas parecem estar as divergências que existiram entre o PS local e Esménio, que levaram inclusivamente a que se falasse na possibilidade do presidente se recandidatar numa lista independente.
Na reunião do PS, realizada em Marinhais, foi ainda decidido recandidatar Francisco Madelino, actual presidente da Fundação Inatel, como cabeça-de-lista à assembleia municipal. “A firme convicção da capacidade de liderança, dos projectos concretos para os territórios e gentes do concelho de Salvaterra de Magos e a competência das diversas equipas autárquicas, são motivos de confiança para uma campanha eleitoral que o Partido Socialista deseja esclarecedora, agregadora de vontades e participada”, afirma a nota, adiantando que os candidatos às juntas de freguesia do concelho serão apresentados até ao final de Junho.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...