uma parceria com o Jornal Expresso
23/06/2017
Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
As várias maneiras de viver uma festa bem castiça
Paulo Marujo. Colaborador da empresa Paulo Vicente - Sociedade Unipessoal Lda
Edição de 18.05.2017 | Especial Ascensão

Acordeonista em vários ranchos folclóricos, Paulo Marujo usufrui da festa da Ascensão de várias formas: Tocando, participando em actividades tradicionais e nos expositores e convivendo com os amigos nas largadas de toiros e nos concertos. Quando lhe perguntam o que poderia ser melhorado refere a contratação de um leque de artistas mais variado.
Refere que as mudanças políticas verificadas a nível local e nacional se notaram ao nível dos apoios e na divulgação das tradições e costumes. Para ele a festa da Ascensão dá visibilidade ao concelho e contribui para o desenvolvimento do comércio local. “Esta é a festa mais castiça do Ribatejo”, afirma.
Quanto ao futuro, confessa estar apreensivo embora considere que o concelho está no bom caminho e que há índices de mudança positivos e que a empresa onde trabalha também está a ter um desenvolvimento sustentado.

Comentários
Mais Notícias
    A carregar...