uma parceria com o Jornal Expresso
26/06/2017
Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Bloco de Esquerda aposta na juventude em Santarém
Filipa Filipe, 27 anos, lidera a lista do partido à câmara e Francisco Cordeiro, 28 anos, é o número um à assembleia municipal.
Edição de 25.05.2017 | Política

A jovem psicóloga clínica Filipa Filipe, 27 anos, vai ser a cabeça de lista do Bloco de Esquerda à Câmara Municipal de Santarém. A apresentação foi feita na tarde de segunda-feira, 22 de Maio, na sede da Sociedade Recreativa Operária de Santarém, numa sessão que contou com a presença da coordenadora nacional do partido, Catarina Martins. Foram ainda revelados os nomes de Francisco Cordeiro, 28 anos, como cabeça de lista à Assembleia Municipal de Santarém e de Graça Isabel, 46 anos, como número um à União de Freguesias da Cidade de Santarém.
Perante vários dirigentes distritais e concelhios do Bloco, bem como cidadãos independentes comprometidos com o Bloco de Esquerda nestas eleições autárquicas, a candidata à câmara falou numa “vontade de cidadania” que junta o BE e pessoas que integram movimentos de cidadania como o “No Coração da Cidade” ou que estiveram ligadas ao movimento independente Mais Santarém nas autárquicas de 2013. O mote é por “uma política diferente, com novas pessoas, mais transparente e mais inclusiva”.
O Bloco de Esquerda que em Santarém nunca teve representação na câmara e conta apenas com um eleito na assembleia municipal, divulgou também os “10 laços de uma candidatura cidadã e de afeto por Santarém”, onde propõe, entre outras medidas, um “corte com a austeridade local” através de uma estratégia de diminuição progressiva do IMI e das taxas sobre a água e resíduos.
No seu discurso, Catarina Martins falou da necessidade de mudança em Santarém e considerou que tem havido demasiada rotina e pouca exigência no poder local, garantindo que o Bloco vai estar na luta eleitoral para “quebrar a rotina”.

Comentários
Mais Notícias
    A carregar...