Autárquicas 2017 | 04-10-2017 10:40

Luís de Sousa orgulhoso com maioria absoluta em Azambuja

Luís de Sousa orgulhoso com maioria absoluta em Azambuja

Luís de Sousa foi reeleito para um segundo mandato nas eleições autárquicas de domingo, 1 de Outubro, e vê a vitória como “uma prova de que nestes últimos quatro anos fizemos muito por Azambuja e por isso o povo votou novamente em nós”. Apesar de a campanha do PS ter sofrido alguns percalços no início, antes de Luís de Sousa ter sido confirmado como o candidato e não o seu vice Silvino Lúcio, a população votou no partido em peso e, no geral, votou mais do que nas últimas autárquicas, em 2013, com a abstenção a baixar de 54,14% para 52,52%.
O presidente reeleito votou a meio da manhã numa das duas mesas de voto da freguesia de Alcoentre e passou a tarde na câmara municipal onde, acompanhado apenas por técnicos da autarquia que iam actualizando os resultados, esperou até ter o veredicto.
Quando se confirmou a maioria absoluta, e já em clima de festa, o presidente deslocou-se para a sede do partido, onde era esperado por várias dezenas de apoiantes. Luís de Sousa recebeu abraços e felicitações e aproveitou para ir à sede de campanha do CDS-PP, à frente da sua, cumprimentar o candidato José Carlos Matos, que estava quase tão eufórico quanto ele pelo bom resultado que o seu partido também tinha alcançado. A noite terminou com uma caravana automóvel pelo concelho.
O PS reconquistou a maioria absoluta na câmara com 60,76% dos votos. Nas freguesias e uniões de freguesias a cor do partido também predomina, já que apenas duas das sete não são PS: União de Freguesias de Manique do Intendente, Vila Nova de S. Pedro e Maçussa e Aveiras de Cima continuam da CDU.
Quanto às freguesias PS, são Azambuja, Alcoentre, Vila Nova da Rainha, Vale do Paraíso e Aveiras de Baixo.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo