uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Projectos vencedores do Orçamento Participativo de Abrantes são todos do Pego

Município disponibiliza 350 mil euros para concretizar obras propostas por cidadãos

Edição de 04.10.2017 | Sociedade

Os projectos vencedores da segunda edição do Orçamento Participativo de Abrantes já foram divulgados e são todos oriundos da freguesia do Pego. O “Ringue para todos”, na escola EB1 do Pego, projecto apresentado por Ana Poupino, com um valor de 30 mil euros, mereceu 391 votos, o que lhe garantiu o primeiro lugar.
A “casa típica do Pego”, da autoria de Ana Lília de Sousa, projecto de 80 mil euros, conseguiu o segundo lugar, com 292 votos. O terceiro lugar foi para Jorge Manuel de Sousa, que apresentou o projecto “circuito de manutenção e zona de lazer à entrada do Pego”, no valor de 80 mil euros e que contou 204 votos.
A verba difinida para a edição deste Orçamento Participativo (OP) era de 350 mil euros. Dado que o montante total dos três projectos vencedores totaliza 190 mil euros, o município decidiu, mediante o regulamento, incluir os projectos mais votados até perfazerem o montante disponibilizado. Sendo assim, vão ser também incluídos no OP de 2017 os projectos: “Construção de instalações sanitárias nos cemitérios de S.Facundo e Vale de Zebrinho”, apresentado por Elsa Pires Coelho, com um valor de 40 mil euros; “Centro interpretativo do mundo rural em Bemposta”, com um valor de 50 mil euros, apresentado por Paulo Fernandes; “formação comunitária em socorrismo e emergência geriátrica/ pediátrica” em S. Facundo e Vale das Mós”, apresentado por Ana Fernandes Ferreira, com um valor de 12.500 euros; e “construção de um jardim no miradouro de Fontes e de passeios na Rua Nª Srª da Assunção “, em Fontes, projecto apresentado por Sónia Campos Alagoa, no valor de 50 mil euros.
A análise à votação por freguesia revelou que 31% dos votos foram de cidadãos da freguesia do Pego, seguindo-se a freguesia de Mouriscas com 16% dos votos, a União de freguesias de Abrantes e Alferrarede com 15% e a freguesia de Bemposta, com 10%. Verificou-se ainda que 6% dos votos foram de cidadãos naturais de Abrantes, mas residentes em outros concelhos.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido