uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Descargas poluentes em ribeira de Alverca investigadas pelas autoridades
QUEIXAS. Quem vive junto à ribeira tem sentido cheiros intensos desagradáveis nas últimas semanas

Descargas poluentes em ribeira de Alverca investigadas pelas autoridades

Moradores apresentaram queixa no serviço de protecção da natureza da GNR. Ribeira da Verdelha, em Alverca, está a sofrer obras de requalificação e a ambição da Câmara de VFX é melhorar toda a zona envolvente.

Edição de 08.11.2017 | Sociedade

Os moradores das habitações próximas da ribeira da Verdelha, em Alverca, têm sentido nos últimos dias várias descargas poluentes que causam maus cheiros e alguns já apresentaram queixa nas autoridades. A maioria acredita tratar-se de um foco de poluição oriundo de uma exploração pecuária ou aviária nas proximidades, dado que a água ostenta uma cor escura e um cheiro desagradável.
Nas redes sociais, vários moradores, cansados do problema se arrastar no tempo sem fim à vista, registaram em fotografias os diferentes episódios de poluição e alguns escreveram ao Serviço de Protecção da Natureza e Ambiente (SEPNA) da GNR a dar conta do sucedido. Aquela força policial está a investigar o caso. O assunto foi também motivo de discussão na última reunião pública de câmara, com Nuno Libório, da CDU, a querer saber o ponto de situação do problema.
António Oliveira, vereador com o pelouro da divisão de fiscalização municipal, explica que já por diversas vezes nos últimos dois meses os técnicos da Agência Portuguesa do Ambiente e do SEPNA estiveram no local. “Andaram nos trilhos ribeira acima a procurar possíveis causas mas no leito da ribeira não havia qualquer indício, apenas os maus cheiros. A informação que nos deram é que provavelmente se devia ao excesso de calor”, explica o autarca, que prometeu continuar a pugnar pelo apuramento das reais causas para os maus cheiros. Isto numa ribeira que, nas últimas semanas, esteve a receber obras de requalificação e melhoria por parte dos Serviços Municipalizados de Água e Saneamento.
A ideia do município é requalificar toda a zona da ribeira da Verdelha, principal porta de entrada em Alverca para quem circula na Estrada Nacional 10 e onde vivem dezenas de famílias. “Pretendemos requalificar o espaço entre as colunas, melhorar os acessos à verdelha e preservar aquele património”, explica Alberto Mesquita (PS), presidente do município.
A câmara já adquiriu uma pequena habitação na zona e o autarca afirma estar a negociar a aquisição de um outro edifício devoluto, de maiores dimensões, junto à ribeira, para que toda a zona possa ser requalificada. As negociações com os proprietários estão em curso mas o autarca afirmou na reunião não colocar de parte a hipótese de vir a expropriar o imóvel invocando o interesse público do projecto para a zona.

Descargas poluentes em ribeira de Alverca investigadas pelas autoridades

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...