uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Obras atrasadas no pavilhão desportivo de Santarém

Edição de 16.11.2017 | Desporto

O atraso nas obras de substituição do pavimento do pavilhão desportivo municipal de Santarém tem obrigado os atletas e equipas de três clubes da cidade ligados à patinagem e ao hóquei em patins a recorrerem a recintos desportivos de outros concelhos para praticarem essas modalidades. A situação afecta atletas e equipas do Hóquei Clube de Santarém, dos Caixeiros e dos Leões de Santarém, que têm competido neste início de época em pavilhões emprestados em Almeirim, Salvaterra de Magos e Rio Maior.
A intervenção no pavilhão desportivo, situado na zona do Choupal, devia ter decorrido entre Julho e Setembro, mas dois meses passados sobre a data prevista para a conclusão dos trabalhos, os mesmos ainda não foram dados por finalizados, nem se sabe com certeza quando tal vai suceder.
O assunto foi levantado pelo vereador Rui Barreiro (PS) na reunião de câmara de segunda-feira, 13 de Novembro, tendo o presidente do município, Ricardo Gonçalves (PSD), referido que têm havido alguns constrangimentos com a substituição do pavimento. “Lamentamos o sucedido mas não podemos ultrapasasar estas questões técnicas”, disse. Para se aplicar esse revestimento em madeira tem que estar garantido um determinado grau de humidade, o que ainda não aconteceu, como esclareceu também a vereadora com o pelouro do Desporto, Inês Barroso (PSD). Os autarcas esperam que isso possa acontecer em breve.
“Temos tentado articular com os clubes soluções alternativas noutros concelhos para a realização dos seus jogos, como Almeirim, Salvaterra de Magos e Rio Maior”, revelou ainda Inês Barroso, que aproveitou para agradecer a compreensão dos clubes, atletas e pais, bem como dos municípios parceiros.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...