uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Força Aérea dá luz verde a ciclovia e passeio ribeirinho em Alverca
NOVIDADE. Alverca está mais perto de vir a conseguir ter um passeio ribeirinho

Força Aérea dá luz verde a ciclovia e passeio ribeirinho em Alverca

São os primeiros sinais de abertura ao projecto da Câmara de Vila Franca de Xira em mais de uma década. Projecto vai permitir a ligação da cidade ao rio, que actualmente não existe.

Edição de 13.12.2017 | Sociedade

Já existe uma aceitação de princípio da Força Aérea Portuguesa (FAP) para que possa passar, entre o rio Tejo e a pista de aviação de Alverca, um trilho pedonal com ciclovia na zona ribeirinha dessa cidade do concelho de Vila Franca de Xira. A informação foi avançada esta semana pelo presidente do município, Alberto Mesquita (PS), durante a reunião pública de câmara realizada naquela cidade.
É um avanço significativo nas relações entre aquele município e a FAP, entidade que durante a última década declinou sempre qualquer possibilidade de abrir à comunidade uma faixa de terreno que permitisse unir Alverca às localidades vizinhas que já têm passeio ribeirinho, nomeadamente Alhandra e Póvoa de Santa Iria/Forte da Casa.
“O caminho ribeirinho terá um passeio com ciclovia paralelo à pista de aviação. Já existe um acordo de princípio com a FAP mas ainda lhe será remetido o projecto final que terá de ser aprovado por ela”, explica Alberto Mesquita, que tem esperança que o projecto vá para a frente.
O acesso dos moradores de Alverca ao rio é uma reivindicação antiga da comunidade. Alverca é a única cidade do concelho que não tem qualquer ligação com o rio, já que todos os acessos estão bloqueados por fábricas e instalações militares.
No âmbito do futuro parque ribeirinho de Alverca está prevista também a recuperação do único moinho de maré do concelho, existente naquela freguesia e que está completamente ao abandono e cercado de vegetação.
Nos últimos anos, os moradores do Forte da Casa e da Póvoa de Santa Iria viram a sua zona ribeirinha completamente requalificada. Em 2018 fica pronto o parque ribeirinho Moinhos da Póvoa, que ligará a extremidade sul do concelho de Vila Franca de Xira ao vizinho concelho de Loures, num investimento de 2,2 milhões de euros. O projecto prevê também uma ligação futura ao Parque das Nações, às portas de Lisboa, mas terá de ser o município de Loures a desenvolver essa ligação.
Em funcionamento estão também os caminhos pedonais ribeirinhos que unem Vila Franca de Xira a Alhandra e o Forte da Casa à Póvoa de Santa Iria, bastante utilizados diariamente pela comunidade.

Força Aérea dá luz verde a ciclovia e passeio ribeirinho em Alverca

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...