uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Alviela alvo de mais um atentado ambiental

Alviela alvo de mais um atentado ambiental

Rio tornou a aparecer com espuma e cor escura logo junto à nascente

Edição de 21.12.2017 | Sociedade

Na noite de sexta-feira, 15 de Dezembro, o rio Alviela mostrava mais uma vez sinais de poluição, com a água junto à nascente a apresentar cor escura e espumosa, suspeitando-se de contaminação com origem em lagares de azeite.
O Centro Ciência Viva do Alviela comemorou, precisamente na noite dessa sexta-feira, o seu décimo aniversário e durante a “Lagarada da Ciência”, comemorativa da efeméride, a presidente do conselho geral do Carsoscópio, e presidente da Câmara de Alcanena, Fernanda Asseiceira, disse que era com grande tristeza e angústia que continuava a assistir a estes atentados ambientais, apesar de todo o esforço da autarquia em tentar resolver o problema.
A autarca referiu ainda que na origem desta situação estará a má prática ambiental de alguns lagares situados a montante da nascente do Alviela, que descarregam para os algares águas impróprias, que por sua vez poluem os lençois de água subterrâneos.
Fernanda Asseiceira já alertou as autoridades fiscalizadoras e pretende mais uma vez pedir às câmaras de Porto de Mós e Santarém para verificarem os eventuais agentes que possam estar na origem desta situação preocupante e penalizadora da população do concelho de Alcanena e zonas limítrofes.

Alviela alvo de mais um atentado ambiental

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...