uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Torres Novas com cinco pavilhões desportivos ao serviço das colectividades

Assinado protocolo para utilização do pavilhão da Escola Manuel Figueiredo

Edição de 03.01.2018 | Sociedade

Na reunião do executivo municipal de 27 de Dezembro foi aprovado, por unanimidade, o protocolo a celebrar entre o Município de Torres Novas e o Agrupamento de Escolas de Gil Paes, tendo como objectivo a utilização das instalações desportivas (pavilhão, ginásio e campos exteriores) da Escola EB2/3 Manuel de Figueiredo de Torres Novas pelas associações desportivas concelhias e outros utilizadores devidamente autorizados.
Segundo aquela autarquia, o protocolo visa responder às necessidades desportivas de lazer e bem-estar dos munícipes que, individualmente, ou de forma colectiva, aspiram à prática de diversas modalidades desportivas.
Com a possibilidade de utilização do pavilhão da Escola Manuel Figueiredo e com a desocupação prevista para breve, do pavilhão situado junto ao campo de futebol municipal, (onde está guardada temporariamente o acervo museológico do Museu Etnográfico que vai passar para instalações na antiga fábrica de Fiação e Tecidos) Torres Novas vai passar a ter cinco pavilhões desportivos cobertos ao serviço do desporto.
A câmara de Torres Novas tem em funcionamento o Palácio dos Desportos, o mais moderno; um pavilhão junto ao do campo de futebol preparado e equipado para ginástica, que está cedido à União Desportiva e Recreativa da Zona Alta e tem ainda protocolado para utilização pelas colectividades, o Pavilhão da Escola Secundária Artur Gonçalves.
Para o presidente da câmara, Pedro Ferreira, a oferta de espaços para a prática de desporto tem vindo a crescer por iniciativa da comunidade e todos os espaços acabam por ser poucos para a procura. "É sempre difícil fazer o mapa de utilização dos pavilhões", refere, acrescentando que há modalidades que podem vir a ganhar espaço, como é o caso do hóquei em patins. "O pavilhão de onde vamos retirar as peças do Museu Etnográfico tem piso preparado para hóquei em patins, por exemplo".
No Pavilhão da Escola Manuel Figueiredo, durante a utilização pelas colectividades, no período compreendido entre as 18h30 e as 23h00 e pontualmente ao fim-de-semana, a segurança e vigilância será assegurada por um funcionário do município. Os encargos com electricidade, gás, água e outros gastos decorrentes de utilização serão suportados pelo agrupamento e pelo município. O valor anual a pagar pelo município ao agrupamento a título dos encargos referidos será de 3.800 euros.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...