uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Alferrarede incrédula com o anunciado fecho dos CTT

Presidente da junta reuniu com responsáveis da empresa e manifestou a sua incredulidade e discordância.

Edição de 11.01.2018 | Sociedade

A administração dos CTT confirmou oficialmente ao presidente da União de Freguesias de Abrantes, Bruno Tomás (PS), a “real intenção de encerramento” do balcão de Alferrarede, não avançando a data de fecho, disse o autarca.
Bruno Tomás esteve reunido na quinta-feira, 4 de Janeiro, “com carácter de urgência”, em Lisboa, com o director da Área Comercial e Parceiros dos CTT, onde foi “oficialmente informado da real intenção de encerramento do balcão” em causa, não existindo, no entanto, data anunciada para tal.
O autarca afirmou ter manifestado na reunião “incredulidade e discordância” com esta decisão, tendo afirmado à Lusa que a junta de freguesia, “em nome da população, não se conformará com tal intenção, uma vez que a mesma é lesiva dos interesses dos mais de 18.000 habitantes” da freguesia de Abrantes.
“Todo o executivo da junta de freguesia e membros da assembleia de freguesia consideram ser absolutamente injustificável tal pretensão, estando neste momento a serem tomadas algumas diligências no sentido de procurar agendar audições com os vários grupos parlamentares representados na Assembleia da República”, avançou.
O autarca do PS sustenta que a freguesia a que preside tem mais de 18.000 habitantes, sendo “a mais populosa de Abrantes”, estando o balcão dos CTT “numa zona de expansão da cidade e onde prevalece uma população envelhecida”, sendo a alternativa a esta estação de correios uma outra, que existe no centro histórico da cidade, mas com “evidentes prejuízos para as populações em termos de um serviço que se quer de proximidade”.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...