uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Falta de médicos preocupa autarcas do Cartaxo

Edição de 01.02.2018 | Sociedade

Os vereadores da coligação PSD/Nós Cidadãos na Câmara do Cartaxo estão preocupados com a falta de médicos de família no concelho, sobretudo na Unidade de Saúde Familiar (USF) Cartaxo – Terra Viva. “A USF prevê no seu quadro de pessoal oito lugares para médicos de família. Actualmente, estão apenas cinco médicos de família ao serviço com o horário completo e um está de baixa prolongada, o que resulta em cerca de 5.300 utentes sem médico de família. Esta é uma situação preocupante para o nosso concelho”, referiu o vereador Nuno Nogueira em sessão camarária.
O presidente da Câmara do Cartaxo, Pedro Magalhães Ribeiro (PS), confirmou os números e garantiu que está a acompanhar de perto a situação. “Em reunião com a directora do Agrupamento de Centros de Saúde da Lezíria do Tejo foi-nos dito que as vagas para médicos serão preenchidas em breve. Não nos foi dado, no entanto, um limite de tempo”, afirmou.
O autarca lembrou que a falta de médicos é um problema que assola a região do Ribatejo e que o Cartaxo é dos concelhos com maior cobertura de médico de família por habitante. “Não podemos estar satisfeitos enquanto houver um utente sem médico de família. Esperemos que a chegada de novos médicos ao nosso concelho seja para breve”, sublinhou Pedro Ribeiro.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...