uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Barulho de obras incomoda leitores da biblioteca de Vila Franca de Xira
Obras na biblioteca municipal tem desagradado vários utlizadores do espaço

Barulho de obras incomoda leitores da biblioteca de Vila Franca de Xira

Vários leitores e frequentadores da Fábrica das Palavras não gostaram de ver o espaço transformado num estaleiro de obras durante a construção de espaços para exposições. O município lamenta os incómodos e promete minimizar as acções que provoquem ruído.

Edição de 14.02.2018 | Sociedade

A Fábrica das Palavras, biblioteca municipal de Vila Franca de Xira, tem estado nas últimas semanas transformada numa serração e num estaleiro de obras, facto que tem incomodado os leitores e frequentadores do espaço.
Em causa estão os trabalhos de montagem e preparação do espaço para acolher várias exposições no futuro, sendo a primeira delas a CartoonXira, que este ano se vai realizar a partir de 3 de Março na biblioteca porque o Celeiro da Patriarcal está em obras.
Os trabalhos têm decorrido durante as horas normais de funcionamento da biblioteca, o que tem desagradado a vários utilizadores. “Quero manifestar a minha mais profunda indignação pela forma como a câmara desrespeita os munícipes ao instalar um estaleiro de carpintaria no interior do edifício, numa zona aberta para todas as salas de leitura. Onde é que já se viu semelhante coisa, tão inefavelmente terceiro mundista?”, questiona Alzira Matos, professora e frequentadora da biblioteca.
Além do barulho das serras eléctricas, martelos e berbequins, vários frequentadores do espaço queixam-se também do pó e da irritação que este causa no aparelho respiratório. “Além do barulho ensurdecedor o edifício não tem janelas e somos obrigados a respirar um pó espesso e a levar com um cheiro a tinta e resina que faz imensas dores de cabeça”, queixa-se Odete Oliveira, outra utilizadora do espaço.
Contactada por O MIRANTE, a Câmara de Vila Franca de Xira explica que os trabalhos em curso – que custaram 5.800 euros - incidem na construção de espaços expositivos complementares à galeria que já existe no piso 1. “Lamentamos os incómodos causados aos utilizadores da biblioteca e a câmara está a fazer todos os esforços para minimizar as acções que provoquem ruído, as quais deverão estar concluídas até 19 de Fevereiro”, explica o município.

Barulho de obras incomoda leitores da biblioteca de Vila Franca de Xira

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido