uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Círculo Cultural Scalabitano obrigado a fazer obras na sua sede para cumprir a lei

Associação foi intimada a cumprir uma série de exigências, sob pena de ver fechada a sua sala de espectáculos. Câmara de Santarém vai apoiar a intervenção com 12.500 euros para obras.

Edição de 21.02.2018 | Sociedade

A Câmara de Santarém decidiu atribuir 12.500 euros ao Círculo Cultural Scalabitano para apoiar obras nas instalações da associação, situadas no centro histórico da cidade. A intervenção visa melhorar as capacidades de conforto e de acolhimento, sobretudo em termos de acessibilidades e de segurança contra o risco de incêndio, cumprindo assim as exigências legais nessas áreas. A empreitada tem um orçamento total de cerca de 36 mil euros e prevê também a reparação e pintura das fachadas do edifício sede.
A necessidade de realização das obras surgiu na sequência de uma visita da Inspecção Geral das Actividades Culturais (IGAC) às instalações do Círculo. A IGAC constatou que não tinham sido efectuadas todas as alterações impostas no decurso de uma anterior inspecção e comunicou que a não realização de obras poderia conduzir ao encerramento do Teatro Taborda. O Círculo ficou ainda sujeito ao pagamento de uma coima entre os mil e os 30 mil euros.
“Continuamos hoje com enormes dificuldades de suportar as obras de manutenção do edifício, bem como as obras de reestruturação de forma a corresponder à nova lei, estando iminente o fecho da segunda sala de espectáculos de Santarém, com os prejuízos culturais que daí irão advir”, explicava o presidente da direcção do Círculo Cultural Scalabitano no ofício remetido para o município em Julho de 2017.
Nuno Domingos, da direcção do Círculo Cultural Scalabitano, disse a O MIRANTE
que a intervenção de maior vulto prende-se com a colocação de uma cortina corta-fogo na sala do Teatro Taborda, que custa cerca de 20 mil euros. O dirigente revelou ainda que já foram sendo feitas algumas intervenções de menor monta, nomeadamente ao nível das fachadas, faltando no entanto ainda a parte da pintura.
O Círculo Cultural Scalabitano, fundado em 1954 e herdeiro do Teatro Taborda, criado em 1895, é uma associação com o estatuto de utilidade pública que alberga no seu seio diverso projectos culturais, como a Orquestra Típica Scalabitana, Veto Teatro Oficina, coro e academias de dança e de música.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...