uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Antigo campo de futebol do Coruchense ainda sem destino definido

Proprietário e município têm visões diferentes para o futuro do terreno que se encontra ao abandono.

Edição de 21.03.2018 | Sociedade

O antigo campo de futebol do Grupo Desportivo Coruchense, no centro da vila de Coruche, vai ser requalificado, garantiu o presidente do município a O MIRANTE depois de se ter reunido com o actual proprietário do terreno para discutir o que poderia ser feito naquele local. “Tem de ser uma solução urbanística que dignifique, mas que também seja adequada ao local”, admite o autarca. Para já, refere, o município encontra-se numa fase de conversação, pois o proprietário pretende fazer dali um espaço habitacional e a câmara quer fazer algo para a população.
O assunto foi abordado por Élio Santos. Segundo o munícipe, o antigo campo de futebol da Horta da Nora, neste momento, resume-se a um adro para ratos, lixo e carcaças de carros nas traseiras do mesmo, como se de uma “sucateira” se tratasse. Porque não adquirir o terreno e requalificá-lo devidamente?”, questiona o munícipe.
Fundado em 1948, o Grupo Desportivo Coruchense, campeão da III Divisão nacional em 1953/54, começou a dar os seus primeiros passos no antigo campo de futebol, situado na Rua da Olivença, em Coruche. As equipas do Coruchense jogaram no Campo Horta da Nora, que estava alugado ao clube, até 2007, quando foi inaugurado o Estádio Municipal José Peseiro, em Santo Antonino.
Entretanto, em Agosto de 2008, alguns dos antigos responsáveis pelo emblema ribatejano fundaram um novo clube, denominado de Amigos do Grupo Desportivo Coruchense - Associação Desportiva que, além dos escalões de formação, participa no Campeonato de Portugal no escalão de seniores.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...