uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Torres Novas recusa outra vez declaração de interesse municipal à Fabrióleo

Edição de 05.04.2018 | O MIRANTE dos Leitores

A empresa Fabrióleo voltou a pedir à Câmara de Torres Novas uma declaração de interesse público municipal (DIM) para regularizar a situação do seu edificado. Penso que foi a terceira. O executivo municipal não aprovou tal declaração e a assembleia municipal fez o mesmo, sem sequer analisar o documento, o que me leva a crer que, faça a Fabrióleo os pedidos de interesse público municipal que fizer, serão todos rejeitados, pelo menos até ao final do actual mandato.
Criou-se uma situação de confronto entre autarcas e empresa, situação essa que se agravou com o infeliz comunicado da Associação Empresarial - NERSANT a atacar o presidente da câmara por não ser sensível ao eventual encerramento de uma empresa com mais de oitenta trabalhadores.
O curioso nesta situação é haver forças políticas como o Bloco de Esquerda e o PCP (representado na coligação CDU) que estão a colocar as questões ambientais acima das questões económicas. Geralmente não costuma ser assim mas acho que o facto de muitos trabalhadores terem ido a uma anterior reunião da assembleia municipal, pressionar os autarcas, pode também ter contribuído para o actual clima uma vez que ninguém gosta de se sentir condicionado quando tem que decidir. Um assunto a seguir com muita atenção.
Rui Manuel Teles Monforte

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...